As ideias aqui não são originalmente minhas, mas são fruto do que tenho aprendido da Palavra de Deus fora dos sistemas denominacionais com irmãos congregados ao nome do Senhor e também com autores de outras épocas que congregavam assim, como J. G. Bellett, C. H. Brown, J. N. Darby, E. Dennett, W. W. Fereday, J. L. Harris, W. Kelly, C. H. Mackintosh, A. Miller, F. G. Patterson, A. J. Pollock, H. L. Rossier, H. Smith, C. Stanley, W. Trotter, G. V. Wigram e muitos outros. Uma lista completa em inglês você encontra neste link.

Pesquisar este blog

Carregando...

Cometer suicídio não seria uma solução?



https://youtu.be/4PuI08IuUbQ

Recebi sua carta de 18 de fevereiro e compreendo que esteja passando por dificuldades. Embora você diga ter problemas mentais, e isso pode atrapalhar muito a vida de uma pessoa, acredito que o seu problema maior não é mental, e sim espiritual. Problemas mentais são, em geral, decorrentes de uma lesão no cérebro ou até mesmo de uma disfunção no processo químico do mesmo.

Mas um dia todos nós deveremos deixar este corpo, sujeito a tantos problemas, para nos encontrarmos com Deus. Naquele dia, nossos problemas físicos não terão mais importância, mas as questões espirituais, ou as decisões que tomamos aqui, estas sim terão importância eterna. Então, quais são as conseqüências de uma decisão como a de se suicidar? O que Deus pensa disso?

O suicídio não é apenas um ato de rebelião contra Deus, mas contra a própria natureza humana cujo instinto é sobreviver. Temos em nossa estrutura natural, assim como todo ser vivo, esse instinto que obviamente foi colocado em nós pelo Criador, de viver a todo custo. Nosso corpo luta para permanecer vivo. Portanto praticar um ato contra a própria vida é ir também contra aquilo que Deus planejou para Suas criaturas.

Obviamente não podemos deixar de pensar na influência que o mercenário inimigo de nossas almas, Satanás, pode ter numa situação assim, pois para ele é sempre uma vitória nos levar a praticar qualquer coisa, grande ou pequena, que desagrade a Deus. Não pense que pelo fato de não enxergá-lo você não seja capaz de ouvir o que ele tenta sussurrar em nossos ouvidos.

Você falou sobre suicídio, dizendo ser a porta de escape e uma solução, e eu pergunto: Solução para quando? Solução imediata ou eterna? E porta de escape para que lugar? Sim, porque toda porta leva de um lugar ao outro, e é bom a gente procurar saber o que existe do outro lado da porta que estamos querendo abrir. Há portas que devemos manter fechadas.

A Bíblia afirma que "nenhum homicida tem permanecente nele a vida eterna" (1 João 3.15). Evidentemente, Deus pode perdoar a um homicida que se arrepende de seu pecado de haver tirado a vida de alguém, mas como alguém pode se arrepender se morrer no próprio ato de tirar uma vida? Pense nisto.

Quando saimos desta vida não há mais tempo para arrependimento. A perdição é eterna e o sofrimento também. A Bíblia revela que sofrimento que aguarda aqueles que morrem sem se converterem a Cristo é medonho. Jesus descreveu como um lugar de "fogo, pranto e ranger de dentes" (Mateus 13:42). Descreveu também como um lugar de onde nunca mais é possível sair (Marcos 9:46, Lucas 16:26). Você acha que tomar essa saída seria a solução? Não, de modo algum, seria apenas arrumar um problema maior e sem solução.

A solução você tem enquanto está aqui, e não é a morte e sim a VIDA! Deus continua com Sua mão estendida esperando que você aceite a Seu Filho Jesus Cristo. O Senhor Jesus declarou: "Eu vim para que tenham vida, e a tenham com abundância" (João 10.10). Como é que você pode desejar a morte sabendo da promessa que Ele fez? Se você quer mesmo livrar-se de sua vida atual, há um outro jeito: nascendo de novo e recebendo de Deus uma vida nova.

Sim, uma pessoa que crê em Cristo e O aceita como Salvador passa por esse processo de ver sua velha vida condenada com Ele na cruz e receber uma nova vida que vem dEle. Cristo experimentou a morte por você para que você pudesse ter vida, e VIDA ETERNA. Veja que interessante isto:

"Ora, se Cristo está em vós, o corpo, na verdade, está morto por causa do pecado, mas o espírito vive por causa da justiça". Romanos 8:10 Estranho, né? Podemos considerar pessoas que crêem em Cristo como mortos-vivos. Ao se converterem, nasceram de novo com uma nova vida, já que a velha não era lá essas coisas. Porém o cristão carrega essa velha vida em si até o momento que o Senhor, e não ele próprio, quiser levá-lo para o céu.

Se ler minha história irá descobrir que um dia eu também pensei em suicídio. Parecia ser a porta de saída mais fácil para minha depressão, angústia e sofrimento da alma. O que eu ainda não tinha entendido na época era que a morte sem Cristo não é saída para lugar nenhum, mas a entrada para uma condição sem saída. Se eu tivesse seguido adiante com minha idéia, antes mesmo de eu perceber que tinha me livrado de um problema estaria enfrentando outro sem solunção.

Portanto é bom que você tenha acordado para a condição miserável em que se encontra e não estar achando muita graça nesta vida, só que está olhando para a porta errada. Você pensa estar vendo nela um sinal escrito "SAÍDA", mas é engano. A PORTA que você precisa usar é outra, é JESUS:

Disse Jesus: "EU SOU A PORTA das ovelhas... EU SOU A PORTA; se alguém entrar POR MIM, salvar-se-á, e entrará, e sairá, e achará pastagens. O ladrão não vem senão a roubar, a matar, e a destruir; eu vim para que tenham vida, e a tenham com abundância. Eu sou o bom Pastor; o bom Pastor dá a sua vida pelas ovelhas... Eu sou o bom Pastor, e conheço as minhas ovelhas, e das minhas sou conhecido. Assim como o Pai me conhece a mim, também eu conheço o Pai, e dou a minha vida pelas ovelhas". João 10

Não O despreze; não rejeite o amor dAquele que veio para resgatar pecadores. Por que entrar para uma eternidade de perdição quando você tem, agora mesmo, a promessa de vida eterna? Cristo é a Solução; só Ele. Creia nEle; aceite‑O como seu Salvador. Creia que Ele morreu na cruz por você, para pagar os seus pecados, para que você não tivesse que comparecer diante de Deus a fim de receber uma eterna condenação."Aquele que crê no Filho tem a vida eterna; mas aquele que não crê no Filho não verá a vida; mas a ira de Deus sobre ele permanece". (João 3.36).

Termino esta orando a Deus para que, por meio do Seu Santo Espírito, toque o seu coração e leve você a aceitar a Jesus como seu Salvador. Afinal, até aqui você veio dirigindo sua vida e tomando suas decisões, e parece que as coisas não saíram muito bem assim. Que tal trocar de motorista? Convide a Jesus para ficar na direção e deixe que Ele conduza você. Mas para isso é preciso aceitá-Lo, o que você pode fazer agora mesmo dizendo isso a Ele. Sim, Ele está esperando e é todo ouvidos:

"Vinde a mim, todos os que estais cansados e oprimidos, e eu vos aliviarei". Mateus 11:28

Eu fui a Ele e descobri que isso é verdade. É sua vez de conhecer esse Senhor tão amoroso. Sugiro que leia algo que traduzi e publiquei em outro site, "Ele ama você" e "O que farei?" Se tiver alguma dúvida, é só voltar a escrever.

Mais acessadas da semana