As ideias aqui não são originalmente minhas, mas são fruto do que tenho aprendido da Palavra de Deus fora dos sistemas denominacionais com irmãos congregados ao nome do Senhor e também com autores de outras épocas que congregavam assim, como J. G. Bellett, C. H. Brown, J. N. Darby, E. Dennett, W. W. Fereday, J. L. Harris, W. Kelly, C. H. Mackintosh, A. Miller, F. G. Patterson, A. J. Pollock, H. L. Rossier, H. Smith, C. Stanley, W. Trotter, G. V. Wigram e muitos outros. Uma lista completa em inglês você encontra neste link.

Pesquisar este blog

Carregando...

O que significa a parábola das dez virgens?

Creio que o numero cinco na Bíblia nos fala de responsabilidade humana. Pelo menos ele aparece muito associado a isso. São cinco os livros dados a Moisés de todas as coisas que os homens deveriam cumprir. São dez os mandamentos: Cinco da responsabilidade para com Deus e cinco para com o próximo. (Leia meu comentário posterior a respeito desta divisão em grupos de 5, e não 4 e 6 como alguns costumam dividir os dez mandamentos)

Considerando que 'virgem' é uma figura da Igreja, creio que as cinco virgens prudentes nos falam da responsabilidade do testemunho que foi deixado nas mãos dos homens. As outras cinco nos falam do testemunho que não tem o azeite, isto é, considerando que o azeite é uma figura de unção, do Espírito Santo, trata-se da esfera de profissão cristã, dos que apenas professam ser cristãos, como a falsa noiva de Apocalipse (a meretriz).

Quando o Noivo vem, somente as que são reais entram para a Sua presença. As outras virgens recebem a sentença: Nunca vos conheci. Não penso que cinco seja o número das esposas do Cordeiro, pois há uma noiva no sentido coletivo da Igreja. Na verdade nas Escrituras o Senhor aparece como tendo duas esposas. Da primeira Ele Se divorciou por sua infidelidade (Ez 16; Jr 3.8), mas voltará a recebê-la. É Sua esposa terrenal, Israel. A outra, que Ele apresentará a Si mesmo como virgem pura somos nos, Igreja.

Cantares nos fala do amor do Senhor por Sua primeira esposa, Israel. O Salmo 45 é a profecia desse matrimônio do Senhor com Israel no futuro.

Você encontra mais comentários sobre esta parábola em "O evangelho em 3 minutos".

Mais acessadas da semana

Loading...