As ideias aqui não são originalmente minhas, mas são fruto do que tenho aprendido da Palavra de Deus fora dos sistemas denominacionais com irmãos congregados ao nome do Senhor e também com autores de outras épocas que congregavam assim, como J. G. Bellett, C. H. Brown, J. N. Darby, E. Dennett, W. W. Fereday, J. L. Harris, W. Kelly, C. H. Mackintosh, A. Miller, F. G. Patterson, A. J. Pollock, H. L. Rossier, H. Smith, C. Stanley, W. Trotter, G. V. Wigram e muitos outros. Uma lista completa em inglês você encontra neste link.

Pesquisar este blog

Carregando...

Devo sair de casa para nao me contaminar?



https://youtu.be/5eZJQRzQuN4

Você está em dúvida pelo fato de seus familiares serem incrédulos e zombarem de sua fé. Deus nos coloca em lugares, famílias, empregos, escolas etc. com o propósito de sermos um testemunho para Ele ali mesmo. Em algumas situações você deve se separar de amizades e pessoas que negam a fé cristã, principalmente no caso de pessoas que se dizem irmãs em Cristo (é o que o apóstolo fala em 1 Co 5). Mas no mesmo capítulo ele fala que está se referindo à queles que se dizem irmãos, e não especificamente aos incrédulos pois se assim fosse teríamos que sair do planeta.

1 Co 5:9-11 Já por carta vos tenho escrito, que não vos associeis com os que se prostituem; Isto não quer dizer absolutamente com os devassos deste mundo, ou com os avarentos, ou com os roubadores, ou com os idólatras; porque então vos seria necessário sair do mundo. Mas agora vos escrevi que não vos associeis com aquele que, dizendo-se irmão, for devasso, ou avarento, ou idólatra, ou maldizente, ou beberrão, ou roubador; com o tal nem ainda comais.

Então se você trabalha numa empresa, irá evitar amizades que possam levá-la ao pecado ou a colocar em dúvida sua fé, mas não deixará de trabalhar ali ou conviver com essas pessoas. Somente não irá cair na farra com elas. Mas sua presença é importante, porque de que outro modo aquelas pessoas poderiam conhecer o Salvador? Jesus andou com pecadores sem participar de seus pecados. Quanto a ser ridicularizada por sua família, isso é ótimo, pois foi o que o Senhor prometeu para aqueles que o seguissem. Portanto tudo está correndo de acordo com o plano, o que significa que você está cumprindo seu papel como um testemunho.

Mat 10:34-36 Não cuideis que vim trazer a paz à terra; não vim trazer paz, mas espada; Porque eu vim pór em dissensão o homem contra seu pai, e a filha contra sua mãe, e a nora contra sua sogra; E assim os inimigos do homem serão os seus familiares.

Pelo que entendi você ainda depende de sua família e tem vínculos com ela, ou seja, não é uma pessoa independente. Sua família nem sabe, mas a presença de uma pessoa convertida em seu meio cria uma esfera separada para Deus, e os que estão nessa esfera acabam de algum modo sendo abençoados ou, como diz a Palavra, "santificados", isto é, separados (mesmo que ainda não sejam salvos). Eles terão um contato mais direto com a Palavra de Deus e inconsciente começarão a agir diferente na sua presença, pois não estarão muito tranquilos de ter alguém que é sal e luz no meio deles. A luz denuncia as manchas.

1 Co 7:13 E se alguma mulher tem marido descrente, e ele consente em habitar com ela, não o deixe. Porque o marido descrente é santificado pela mulher; e a mulher descrente é santificada pelo marido; de outra sorte os vossos filhos seriam imundos; mas agora são santos.

Nas empresas onde trabalhei, no primeiro dia eu sempre chegava em minha mesa, tirava uma Bíblia de minha pasta e a colocava sobre a mesa com outros pertences, deixando tudo ali algum tempo antes de guardar na gaveta. Minha intenção era que os colegas logo ficassem sabendo que eu era crente e com isso quem não gostava logo se afastava. Era até engraçado eu entrar no banheiro e os colegas pararem a conversa suja só porque eu tinha entrado! Eles ficavam constrangidos e eu até me divertia com a situação. É claro que também tinham as gozações às vezes, mas isso só ajuda a fortalecer nossa fé. O ferro não fica resistente a menos que seja malhado com marreta e fogo.

Mat 5:14-16 Vós sois a luz do mundo; não se pode esconder uma cidade edificada sobre um monte; Nem se acende a candeia e se coloca debaixo do alqueire, mas no velador, e dá luz a todos que estão na casa. Assim resplandeça a vossa luz diante dos homens, para que vejam as vossas boas obras e glorifiquem a vosso Pai, que está nos céus.

O lugar mais fácil para ser cristão é fugir para uma caverna numa montanha ou um mosteiro no deserto, longe de tudo e de todos. O problema é que aí a função do cristão no mundo deixa de fazer sentido. Raciocine assim: ao crer em Jesus você foi perdoada de todos os seus pecados e ficou 100% pronta para ir morar no céu. Por que Deus a deixou aqui? Para testemunhar de Cristo no mundo. Neste momento Jesus está por você no céu na presença do Pai e intercedendo por você, e você está por Jesus no mundo, na presença dos incrédulos e intercedendo por eles. Ser perseguido e injuriado é considerado pelo Senhor como uma bem-aventurança!

Mat 5:11-12 Bem-aventurados sois vós, quando vos injuriarem e perseguirem e, mentindo, disserem todo o mal contra vós por minha causa. Exultai e alegrai-vos, porque é grande o vosso galardão nos céus; porque assim perseguiram os profetas que foram antes de vós.

1Pe 4:12-16 Amados, não estranheis a ardente prova que vem sobre vós para vos tentar, como se coisa estranha vos acontecesse; Mas alegrai-vos no fato de serdes participantes das aflições de Cristo, para que também na revelação da sua glória vos regozijeis e alegreis. Se pelo nome de Cristo sois vituperados, bem-aventurados sois, porque sobre vós repousa o Espírito da glória e de Deus; quanto a eles, é ele, sim, blasfemado, mas quanto a vós, é glorificado. Que nenhum de vós padeça como homicida, ou ladrão, ou malfeitor, ou como o que se entremete em negócios alheios; Mas, se padece como cristão, não se envergonhe, antes glorifique a Deus nesta parte.

Portanto continue onde Deus colocou você e procure ser um testemunho fiel de Cristo neste mundo. Muita gente que sai de casa, da escola ou do emprego com o pretexto de servir ao Senhor nem sempre está com essa intenção, e sim fazendo isso como uma fuga dos problemas. Aí a pessoa se interna num mosteiro ou seminário e passa a conviver só com gente que fala a mesma língua, pensando ter resolvido seus problemas. Mas se não foi isso que Deus preparou para ela, então estará agindo errado.

Separar-se do pecado é um princípio de Deus. Fugir de pecadores não. Nossa função neste mundo é testemunhar a eles da graça de Deus, porque essa missão Deus não confiou a anjos, mas a seres humanos, com todas as falhas e fraquezas que volta e meia nos abatem. Se a sua família consente em tê-la vivendo sob o mesmo teto e isso não significa algum tipo de risco para você, coloque tudo diante do Senhor e espere nEle por uma solução para as dificuldades. Sua presença ali pode até ser o instrumento que Deus quer usar para convertê-los.

Uma vez comentei com um irmão em Cristo: "Quão bom seria se o Senhor viesse hoje nos buscar!". Ele, sabendo que eu estava passando por dificuldades na época, perguntou: "Você está dizendo isso porque deseja estar com o Senhor ou porque quer fugir dos problemas?".

(Esta mensagem originalmente não contém propaganda. Alguns sistemas de envio de email ou RSS costumam adicionar mensagens publicitárias que podem não expressar a opinião do autor.)

Mais acessadas da semana