As ideias aqui não são originalmente minhas, mas são fruto do que tenho aprendido da Palavra de Deus fora dos sistemas denominacionais com irmãos congregados ao nome do Senhor e também com autores de outras épocas que congregavam assim, como J. G. Bellett, C. H. Brown, J. N. Darby, E. Dennett, W. W. Fereday, J. L. Harris, W. Kelly, C. H. Mackintosh, A. Miller, F. G. Patterson, A. J. Pollock, H. L. Rossier, H. Smith, C. Stanley, W. Trotter, G. V. Wigram e muitos outros. Uma lista completa em inglês você encontra neste link.

Pesquisar este blog

Carregando...

Um crente pode perder o Espirito Santo?



https://youtu.be/CMpTrWY0Ck0

Jamais! Se a salvação e o Espírito Santo tivessem sido conquistados pelo crente, por sua fidelidade, boas obras ou esforço próprio, então obviamente ele poderia perder tanto a salvação quanto o Espírito Santo.

Mas quando entendemos que nossa salvação começou muito antes de nossa existência, ou melhor, antes até da existência do mundo, e que o selo do Espírito nos foi dado por Deus como garantia dessa obra que Ele executa em nós, então não há o menor risco de um crente em Jesus perder o Espírito Santo ou a salvação.

Obviamente estou falando aqui de pessoas salvas pela fé em Jesus, e não aquelas que adotaram uma religião ou apenas chegaram ao conhecimento da verdade ou experimentaram os benefícios da ação do Espírito Santo, como aconteceu com os judeus que conviveram com Jesus e são descritos no versículo abaixo:

Heb 6:4-6 Porque é impossível que os que já uma vez foram iluminados, e provaram o dom celestial, e se tornaram participantes do Espírito Santo. E provaram a boa palavra de Deus, e as virtudes do século futuro, E recaíram, sejam outra vez renovados para arrependimento; pois assim, quanto a eles, de novo crucificam o Filho de Deus, e o expõem ao vitupério.

Um bom exemplo das pessoas descritas no versículo acima é Judas, que teve tudo isso, mas nunca creu verdadeiramente e nem foi habitado pelo Espírito Santo (o que só veio acontecer na formação da Igreja em Atos 2 com os verdadeiros salvos).

Portanto, para entender por que a salvação é algo definitivo e impossível de se perder, é preciso entender que ela não começou no momento em que cremos, mas muitas eras antes. Veja este verso:

Joã 17:2-3 Assim como lhe deste poder sobre toda a carne, para que dê a vida eterna A TODOS QUANTOS LHE DESTE. E a vida eterna é esta: que te conheçam, a ti só, por único Deus verdadeiro, e a Jesus Cristo, a quem enviaste.

Efs_1:4 Como também nos elegeu nele antes da fundação do mundo, para que fôssemos santos e irrepreensíveis diante dele em amor;

Joã_15:16 Não me escolhestes vós a mim, mas eu vos escolhi a vós, e vos nomeei, para que vades e deis fruto, e o vosso fruto permaneça

Portanto, não houve um dia quando tivemos a grande ideia de crer em Jesus. A história da salvação de cada um começou antes dos tempos, na glória, quando o Pai deu ao Filho aqueles que haveriam de crer nele. Então, depois de consumada a obra com a morte e ressurreição de Jesus, o Espírito Santo encheu aquele que haveria de crer em Cristo com a água da Palavra e o Senhor a transformou em vida, como é figurado nas bodas de Caná (João 2).

Uma vez que recebeu vida do alto (novo nascimento), aquele que outrora fora inimigo de Deus e incapaz de buscar a Deus (como nos ensina Romanos 2), reconheceu o seu pecado (convencido pelo Espírito) e assim creu em Jesus, sendo então selado com o Espírito Santo da promessa. O selo do Espírito é a garantia de Deus de que tal pessoa jamais se perderá, assim como uma carta é selada para garantir sua chegada ao destino.

Efs 1:13-14 Em quem também vós estais, depois que ouvistes a palavra da verdade, o evangelho da vossa salvação; e, tendo nele também crido, fostes selados com o Espírito Santo da promessa. O qual é o penhor (garantia) da nossa herança, para redenção da possessão adquirida, para louvor da sua glória.

Não somos nós que nos selamos, mas Deus é quem faz isso.

2Co 1:21-22 Mas o que nos confirma convosco em Cristo, e o que nos ungiu, é Deus, O qual também nos selou e deu o penhor do Espírito em nossos corações.

2Co 5:5 Ora, quem para isto mesmo nos preparou foi Deus, o qual nos deu também o penhor do Espírito.

Em todo o processo da salvação, da eleição, passando pelo novo nascimento e até a chegada no céu, não há um átomo sequer de obra humana, pois se houvesse, teríamos de que nos gloriar.

Efs 2:8-9 Porque pela graça sois salvos, por meio da fé; e isto não vem de vós, é dom de Deus. Não vem das obras, para que ninguém se glorie;

Efs 4:30 E não entristeçais o Espírito Santo de Deus, no qual estais selados PARA O DIA DA REDENÇÃO (ou dia do resgate).

Portanto o selo do Espírito é a garantia dada por Deus de que os que são selados serão resgatados e levados para o céu. É Deus, o que sela, quem garante, não é aquele que recebe o selo que garante isso com sua perseverança. Você já viu alguém ir ao correio, ter sua carta selada, e depois ir embora com a carta na mão para viajar até seu destino para entregá-la? Não, é o Correio que garante a chegada dela ao destino e a garantia é o selo.

Se o crente pudesse perder a salvação ou o Espírito Santo isso seria uma quebra no contrato, não do crente, mas de Deus, pois foi Ele quem prometeu nos salvar.

Rom_11:29 Porque os dons e a vocação de Deus são sem arrependimento.

O selo pode também ser enxergado sob outro aspecto, pois nos tempos em que foi escrito o Novo Testamento ainda não existiam os selos postais de hoje. Mas existia o selo da autoridade. Quando uma autoridade lavrava um documento, ela costumava "carimbar" com seu anel ou selo o documento.

Em algumas épocas isso era feito sobre um lacre que era derretido e pingado sobre o documento e marcado com o anel da autoridade antes de esfriar e endurecer, ou era como um carimbo mesmo aplicado sobre o documento com algum tipo de tinta. O selo tinha o objetivo de autenticidade, de provar que aquele documento ou o que quer que fosse pertencia àquela autoridade.

Era o equivalente ao "registro em cartório" que fazemos hoje. Quando alguém registra uma propriedade física ou intelectual, fica determinado que aquilo pertence a essa pessoa. Assim é o selo do Espírito no crente: ele não pertence mais a si mesmo, mas a Deus, que o selou.

1Co 6:19-20 Ou não sabeis que o vosso corpo é o templo do Espírito Santo, que habita em vós, proveniente de Deus, e que não sois de vós mesmos? Porque fostes comprados por bom preço; glorificai, pois, a Deus no vosso corpo, e no vosso espírito, os quais pertencem a Deus.

Joã 10:28-30 E dou-lhes a vida eterna, e nunca hão de perecer, e ninguém as arrebatará da minha mão. Meu Pai, que mas deu, é maior do que todos; e ninguém pode arrebatá-las da mão de meu Pai. Eu e o Pai somos um.

Mas como ter certeza de que serei mantido íntegro até a vinda de Jesus para me buscar? É o Senhor quem faz essa obra também.

1Ts 3:12-13 E o Senhor vos aumente, e faça crescer em amor uns para com os outros, e para com todos, como também o fazemos para convosco; Para confirmar os vossos corações, para que sejais irrepreensíveis em santidade diante de nosso Deus e Pai, na vinda de nosso Senhor Jesus Cristo com todos os seus santos.

Acreditar que se pode perder a salvação e o Espírito Santo é falta de confiança em Deus. É acreditar que Deus não é totalmente responsável por nossa salvação, mas que deixou algo para nós fazermos, o que nos tornaria co-salvadores com Cristo de nós mesmos. Se assim fosse não estaríamos totalmente perdidos, mas só 90% perdidos, ficando essa parte para Cristo nos salvar e 10% dependente de nós mesmos.

E o que dizer então daqueles que por tanto tempo caminham como cristãos e depois voltam ao que eram ou se transformam até em algo pior? A Bíblia responde:

1Jo 2:19 Saíram de nós, mas não eram de nós; porque, se fossem de nós, ficariam conosco; mas isto é para que se manifestasse que não são todos de nós.

Da impossibilidade de um eleito de Deus ser totalmente desviado e perdido, o Senhor demonstrou com suas palavras nesta passagem:

Mat 24:24 Porque surgirão falsos cristos e falsos profetas, e farão tão grandes sinais e prodígios que, SE POSSÍVEL FORA, enganariam até os escolhidos.

É preciso entender que o crente em Jesus passou para outro terreno, que é o da vida eterna, para o qual já não há juízo ou condenação. Veja que o verbo "passar" aqui aparece no passado, como algo já realizado para aquele que creu na Palavra de Deus:

Joã 5:24 Na verdade, na verdade vos digo que quem ouve a minha palavra, e crê naquele que me enviou, tem a vida eterna, e não entrará em condenação, mas PASSOU da morte para a vida.

Se a vontade própria do crente fosse forte o suficiente para desviar-se a ponto de perder sua salvação, então sua vontade seria mais forte que a vontade de Deus, o que é totalmente impossível.

Joã 6:39-40 E a vontade do Pai que me enviou é esta: QUE NENHUM DE TODOS AQUELES QUE ME DEU SE PERCA, MAS QUE O RESSUSCITE NO ÚLTIMO DIA. Porquanto a vontade daquele que me enviou é esta: Que todo aquele que vê o Filho, e crê nele, tenha a vida eterna; e eu o ressuscitarei no último dia.

De todas estas passagens, nenhuma talvez seja tão veemente quanto Romanos 8 para mostrar a imutabilidade de nossa salvação. Longe de ser uma atitude humilde, o crente que acha que pode perder sua salvação ainda não descansou totalmente na obra de Cristo.

Rom 8:28 E sabemos que todas as coisas contribuem juntamente para o bem daqueles que amam a Deus, daqueles que são chamados segundo o seu propósito [de Deus].
Rom 8:29 Porque os que dantes conheceu também os predestinou para serem conformes à imagem de seu Filho, a fim de que ele seja o primogênito entre muitos irmãos.
Rom 8:30 E aos que predestinou a estes também chamou; e aos que chamou a estes também justificou; e aos que justificou a estes também glorificou.
Rom 8:31 Que diremos, pois, a estas coisas? Se Deus é por nós, quem será contra nós? [nem eu posso ser contra mim mesmo!!]
Rom 8:32 Aquele que nem mesmo a seu próprio Filho poupou, antes o entregou por todos nós, como nos não dará também com ele todas as coisas?
Rom 8:33 Quem intentará acusação contra os escolhidos de Deus? É Deus quem os justifica.
Rom 8:34 Quem é que condena? Pois é Cristo quem morreu, ou antes quem ressuscitou dentre os mortos, o qual está à direita de Deus, e também intercede por nós.
Rom 8:35 Quem nos separará do amor de Cristo? A tribulação, ou a angústia, ou a perseguição, ou a fome, ou a nudez, ou o perigo, ou a espada?
Rom 8:36 Como está escrito: Por amor de ti somos entregues à morte todo o dia; Somos reputados como ovelhas para o matadouro.
Rom 8:37 Mas em todas estas coisas somos mais do que vencedores, por aquele que nos amou [não por nós mesmos].
Rom 8:38 Porque estou certo de que, nem a morte, nem a vida, nem os anjos, nem os principados, nem as potestades, nem o presente, nem o porvir,
Rom 8:39 Nem a altura, nem a profundidade, nem alguma outra criatura nos poderá separar do amor de Deus, que está em Cristo Jesus nosso Senhor.

Abaixo alguns versículos que nos dão a certeza da salvação eterna e inabalável que temos depois que cremos em Jesus:

1Jo 2:19 Saíram de nós, mas não eram de nós; porque, se fossem de nós, ficariam conosco; mas isto é para que se manifestasse que não são todos de nós.

Mat 24:23-25  Então, se alguém vos disser: Eis que o Cristo está aqui ou ali, não lhe deis crédito, porque surgirão falsos cristos e falsos profetas e farão tão grandes sinais e prodígios, que, se possível fora, enganariam até os escolhidos.  Eis que eu vo-lo tenho predito.

Joã 5:24 Na verdade, na verdade vos digo que quem ouve a minha palavra e crê naquele que me enviou tem a vida eterna e não entrará em condenação, mas passou da morte para a vida.

Joã_6:37 Tudo o que o Pai me dá virá a mim; e o que vem a mim de maneira nenhuma o lançarei fora.

Joã_6:38-39  Porque eu desci do céu não para fazer a minha vontade, mas a vontade daquele que me enviou. E a vontade do Pai, que me enviou, é esta: que nenhum de todos aqueles que me deu se perca, mas que o ressuscite no último Dia.

Joã 10:3-5  A este o porteiro abre, e as ovelhas ouvem a sua voz, e chama pelo nome às suas ovelhas e as traz para fora. E, quando tira para fora as suas ovelhas, vai adiante delas, e as ovelhas o seguem, porque conhecem a sua voz. Mas, de modo nenhum, seguirão o estranho; antes, fugirão dele, porque não conhecem a voz dos estranhos.

Joã 10:27-29  As minhas ovelhas ouvem a minha voz, e eu conheço-as, e elas me seguem; e dou-lhes a vida eterna, e nunca hão de perecer, e ninguém as arrebatará das minhas mãos. Meu Pai, que mas deu, é maior do que todos; e ninguém pode arrebatá-las das mãos de meu Pai.

Rom 8:1-2  Portanto, agora, nenhuma condenação há para os que estão em Cristo Jesus.

Rom_8:33 Quem intentará acusação contra os escolhidos de Deus? É Deus quem os justifica.

Rom_11:29 Porque os dons e a vocação de Deus são sem arrependimento.

1Co_1:8 o qual vos confirmará também até ao fim, para serdes irrepreensíveis no Dia de nosso Senhor Jesus Cristo.

1Co 3:15 Se a obra de alguém se queimar, sofrerá detrimento; mas o tal será salvo, todavia como pelo fogo.

2Co 1:21-22  Mas o que nos confirma convosco em Cristo e o que nos ungiu é Deus, o qual também nos selou e deu o penhor do Espírito em nossos corações.

2Co_5:5 Ora, quem para isso mesmo nos preparou foi Deus, o qual nos deu também o penhor do Espírito.

Efs_1:14 o qual é o penhor da nossa herança, para redenção da possessão de Deus, para louvor da sua glória.

Flp_1:6 Tendo por certo isto mesmo: que aquele que em vós começou a boa obra a aperfeiçoará até ao Dia de Jesus Cristo.

Col 3:4 Quando Cristo, que é a nossa vida, se manifestar, então, também vós vos manifestareis com ele em glória.

1Ts_5:23 E o mesmo Deus de paz vos santifique em tudo; e todo o vosso espírito, e alma, e corpo sejam plenamente conservados irrepreensíveis para a vinda de nosso Senhor Jesus Cristo.

1Ts_5:24 Fiel é o que vos chama, o qual também o fará.

Heb_10:14 Porque, com uma só oblação, aperfeiçoou para sempre os que são santificados.

Heb_10:39 Nós, porém, não somos daqueles que se retiram para a perdição, mas daqueles que crêem para a conservação da alma.

1Jo_3:9 Qualquer que é nascido de Deus não comete pecado; porque a sua semente permanece nele; e não pode pecar, porque é nascido de Deus.

1Jo_5:4 Porque todo o que é nascido de Deus vence o mundo; e esta é a vitória que vence o mundo: a nossa fé.

1Jo_5:13 Estas coisas vos escrevi, para que saibais que tendes a vida eterna e para que creiais no nome do Filho de Deus.

1Jo_5:18 Sabemos que todo aquele que é nascido de Deus não peca; mas o que de Deus é gerado conserva-se a si mesmo, e o maligno não lhe toca.

1 Pd 1:5 que pelo poder de Deus sois guardados, mediante a fé, para a salvação que está preparada para se revelar no último tempo

por Mario Persona

(Esta mensagem originalmente não contém propaganda. Alguns sistemas de envio de email ou RSS costumam adicionar mensagens publicitárias que podem não expressar a opinião do autor.)

Mais acessadas da semana