As ideias aqui não são originalmente minhas, mas são fruto do que tenho aprendido da Palavra de Deus fora dos sistemas denominacionais com irmãos congregados ao nome do Senhor e também com autores de outras épocas que congregavam assim, como J. G. Bellett, C. H. Brown, J. N. Darby, E. Dennett, W. W. Fereday, J. L. Harris, W. Kelly, C. H. Mackintosh, A. Miller, F. G. Patterson, A. J. Pollock, H. L. Rossier, H. Smith, C. Stanley, W. Trotter, G. V. Wigram e muitos outros. Uma lista completa em inglês você encontra neste link.

Pesquisar este blog

Carregando...

O que impede minha comunhao?



https://youtu.be/RUOwz81pzCs

Só existe uma coisa que pode impedir um crente de participar da ceia do Senhor à mesa do Senhor: PECADO. Se for pecado o que impede você de pedir seu lugar à comunhão para participar da ceia do Senhor à mesa dele, então já não estamos falando da vontade do Senhor, e sim da vontade da carne. A vontade do Senhor está explícita nestas palavras: "Tomai, comei; isto é o meu corpo que é partido por vós; fazei isto em memória de mim... Este cálice é o novo testamento no meu sangue; fazei isto, todas as vezes que beberdes, em memória de mim" (1 Co 11:24-25).

Se for guiado pelo Espírito Santo você irá pedir seu lugar à comunhão à mesa do Senhor, será observado pela assembleia para ver se existe algum mal moral, doutrinário ou eclesiástico em sua vida, e terá seu lugar, pois esta é a vontade do Senhor. Porém, se o piloto de sua vida for a carne você continuará vivendo esse dilema e acabará se afastando de outros irmãos que buscam fazer a vontade de Deus. Eles seguirão alegremente em comunhão com o Senhor e buscando fazer a vontade dele enquanto você viverá sempre com a consciência atribulada por não abrir mão da vontade própria.

Lembre-se sempre de que não estamos falando aqui de salvação, porque esta já foi resolvida quando você creu em Jesus, mas de comunhão com Deus e de fazer a vontade dele. Ao decidir seguir sua própria vontade você não perde a salvação, mas perde a comunhão com Deus e sua vida será a experiência que Davi relatou enquanto manteve oculto seu pecado:

Slm 32:3-4  Quando eu guardei silêncio, envelheceram os meus ossos pelo meu bramido em todo o dia. Porque de dia e de noite a tua mão pesava sobre mim; o meu humor se tornou em sequidão de estio.

Felizmente Davi percebeu seu erro e confessou seu pecado, contando assim com a restauração que só Deus pode proporcionar.

Slm 32:5  Confessei-te o meu pecado, e a minha maldade não encobri. Dizia eu: Confessarei ao SENHOR as minhas transgressões; e tu perdoaste a maldade do meu pecado.

Ele encontrou graça ao orar a Deus e percebeu que seu acesso ao trono da graça não estava impedido e que Deus o guardava, pois ele podia se esconder em Deus e ser ali preservado da angústia que vinha de fora, já que a que vinha de dentro - de seu pecado não confessado - havia sido resolvida. Seu humor, que antes era "sequidão de estio" se transformou em "alegres cantos de livramento":

Slm 32:6-7  Por isso, todo aquele que é santo orará a ti, a tempo de te poder achar; até no transbordar de muitas águas, estas não lhe chegarão. Tu és o lugar em que me escondo; tu me preservas da angústia; tu me cinges de alegres cantos de livramento.

O salmista aproveita para lembrar-se de onde poderia sempre encontrar a direção certa a seguir: ficando tão próximo do Senhor ao ponto de poder ser guiado com um mero olhar, como faz um pai com seu filho. O contrário disso, que é a vida do crente que quer fazer a vontade própria, é ser conduzido por Deus com cabresto e freio como se faz com animais, que precisam sentir "muitas dores" para obedecer.

Slm 32:8  Instruir-te-ei, e ensinar-te-ei o caminho que deves seguir; guiar-te-ei com os meus olhos. Não sejais como o cavalo, nem como a mula, que não têm entendimento, cuja boca precisa de cabresto e freio para que não se cheguem a ti. O ímpio tem muitas dores, mas àquele que confia no SENHOR a misericórdia o cercará. 

Deixo para você alguns versículos da Palavra de Deus que poderão ajudá-lo:

Osé 6:3 Então conheçamos, e prossigamos em conhecer ao SENHOR; a sua saída, como a alva, é certa; e ele a nós virá como a chuva, como chuva seródia que rega a terra.

Pergunto: sei que você conhece o Senhor, mas será que tem tido o desejo de deixar o que o impede para "prosseguir em conhecer"? A vida do cristão é de fé em fé e se tropeçamos em algo não saímos do lugar, o que parece estar sendo seu problema (daí você dizer que seu "processo" é demorado em relação ao dos outros irmãos com os quais tem convivido).

Heb 12:1 Portanto nós também, pois que estamos rodeados de uma tão grande nuvem de testemunhas, deixemos todo o embaraço, e o pecado que tão de perto nos rodeia, e corramos com paciência a carreira que nos está proposta,

Essa "tão grande nuvem de testemunhas" são os homens e mulheres de fé que aparecem no capítulo 11, todos eles cheios de falhas e com muitos motivos para se envergonharem de seus currículos, mas que mesmo assim encontraram graça para permanecerem na fé porque viam o invisível.

Heb 12:2-14 Olhando para Jesus, autor e consumador da fé, o qual, pelo gozo que lhe estava proposto, suportou a cruz, desprezando a afronta, e assentou-se à destra do trono de Deus.... Segui a paz com todos, e a santificação, sem a qual ninguém verá o Senhor;

por Mario Persona

Mario Persona é palestrante e consultor de comunicação, marketing e desenvolvimento profissional (www.mariopersona.com.br). Não possui formação ou título eclesiástico e nem está ligado a alguma denominação religiosa, estando congregado desde 1981 somente ao Nome do Senhor Jesus. Esta mensagem originalmente não contém propaganda. Alguns sistemas de envio de email ou RSS costumam adicionar mensagens publicitárias que podem não expressar a opinião do autor.)

Mais acessadas da semana