As ideias aqui não são originalmente minhas, mas são fruto do que tenho aprendido da Palavra de Deus fora dos sistemas denominacionais com irmãos congregados ao nome do Senhor e também com autores de outras épocas que congregavam assim, como J. G. Bellett, C. H. Brown, J. N. Darby, E. Dennett, W. W. Fereday, J. L. Harris, W. Kelly, C. H. Mackintosh, A. Miller, F. G. Patterson, A. J. Pollock, H. L. Rossier, H. Smith, C. Stanley, W. Trotter, G. V. Wigram e muitos outros. Uma lista completa em inglês você encontra neste link.
ATENÇÃO: POR FALTA DE TEMPO SÓ RESPONDEREI PERGUNTAS INÉDITAS. NÃO RESPONDO NO WHATSAPP.
PESQUISE "assunto"+"mario persona" NO GOOGLE PARA VER SE JÁ EXISTE RESPOSTA.

Pesquisar este blog

O peso do ouro trazido a Salomao tem algo a ver com o anticristo?



https://youtu.be/YSJrbtBWwWY

Em 2 Crônicas 9:13 diz que o peso do ouro trazido a Salomão era de seiscentos e sessenta e seis talentos. Você pergunta se esse número tem alguma coisa a ver com o anticristo. Com o anticristo diretamente não, mas tem tudo a ver com o ser humano em sua posição de inferioridade diante de Deus.

Os números na Bíblia têm um significado, e é por isso que distâncias, pesos, medidas e moedas nunca devem ser traduzidos ou convertidos para medidas atuais. Pela Bíblia entendemos que o número 6 é número de homem, um número incompleto e não perfeito. O 7 nos fala de Deus e perfeição, algo que o número 6 não consegue atingir.

No peso do ouro que era trazido a Salomão Deus quis mostrar que Salomão, ainda que fosse um grande rei, não era Deus. Um bom exemplo é a simbologia do número SEIS, explicada assim no “Concise Bible Dictionary”:

"Número Seis: Algo incompleto, imperfeito (porque falta um para chegar ao perfeito número sete). Salomão tinha uma escada de seis degraus para chegar ao seu grande trono em 1 Reis 10:19, impedindo que ele ficasse elevado demais e livrando-o da idolatria. Seiscentos e sessenta e seis talentos de ouro eram trazidos a ele a cada ano em 1 Reis 10:14, todavia ele foi obrigado a confessar que tudo não passava de vaidade e vexação de espírito. Os judeus em Caná tinham seis talhas de pedra para as purificações em João 2:6 mas elas expressavam a insuficiência das ordenanças em atender as demandas da necessidade do homem. O número da besta imperial será seiscentos e sessenta e seis em Apocalipse 13:18, o que a torna imperfeita em todos os aspectos."

Quer ver agora o quanto você perde lendo uma versão da Bíblia como a Linguagem de Hoje e outras que costumam traduzir pesos, medidas e moedas? Veja 1 Reis 10:14 onde fala dos seiscentos e sessenta e seis talentos de ouro, um número obviamente colocado ali pelo Espírito Santo para indicar a imperfeição na simbologia bíblica:

"O peso do ouro que se trazia a Salomão cada ano era de seiscentos e sessenta e seis talentos de ouro" (1 Rs 10:14 - ARA)

Agora vejam versões que corrompem o significado ao traduzirem ou converterem pesos, medidas, moedas etc.:

"O peso do ouro que chegava às mãos de Salomão, anualmente, era de vinte e três mil e trezentos quilos" ( 1 Rs 10:14 - King James Português)

"Todos os anos o rei Salomão recebia mais ou menos vinte e três mil quilos de ouro" (1 Rs 10:14 - NTLH)

"O peso do ouro que Salomão recebia anualmente era de vinte e três toneladas e trezentos quilos" (1 Rs 10:14 - NVI)

Na versão "Bíblia Judaica Completa" em inglês o número também foi substituído por cerca de "duas toneladas".

Detalhes assim ajudam você a escolher uma boa versão da Bíblia para ler. Sugiro ainda a leitura de "Símbolos Bíblicos do Apocalipse", de J. N. Darby, que mostra o significado de alguns números e também de outros símbolos encontrados naquele livro.

por Mario Persona

Mario Persona é palestrante e consultor de comunicação, marketing e desenvolvimento profissional (www.mariopersona.com.br). Não possui formação ou título eclesiástico e nem está ligado a alguma denominação religiosa, estando congregado desde 1981 somente ao Nome do Senhor Jesus. Esta mensagem originalmente não contém propaganda. Alguns sistemas de envio de email ou RSS costumam adicionar mensagens publicitárias que podem não expressar a opinião do autor.)

Mais acessadas da semana