As ideias aqui não são originalmente minhas, mas são fruto do que tenho aprendido da Palavra de Deus fora dos sistemas denominacionais com irmãos congregados ao nome do Senhor e também com autores de outras épocas que congregavam assim, como J. G. Bellett, C. H. Brown, J. N. Darby, E. Dennett, W. W. Fereday, J. L. Harris, W. Kelly, C. H. Mackintosh, A. Miller, F. G. Patterson, A. J. Pollock, H. L. Rossier, H. Smith, C. Stanley, W. Trotter, G. V. Wigram e muitos outros. Uma lista completa em inglês você encontra neste link.

Pesquisar este blog

Carregando...

Como entender a Biblia?



https://youtu.be/_o13wwttk_s

Antes de mais nada há duas coisas que devemos ter em mente quando o assunto é a Palavra de Deus: primeiro, que não entendemos coisa alguma; e segundo, que não entendemos coisa alguma. Temos a Palavra de Deus, mas os judeus também têm. Os Testemunhas de Jeová também têm e a usam de acordo com suas idéias. É preciso ter algo mais do que a Palavra de Deus, é preciso ter o Espírito de Deus habitando em nós para entendê-la.

Que privilégio! Graça! Graça! Graça! Graça para nossa salvação, graça para nosso andar, graça para e em tudo o que fazemos ou somos, inclusive o entendimento da Palavra de Deus. Nada provém de nós mesmos.

Sua pergunta nos leva a um terreno delicado, onde devemos caminhar com cuidado para não errar. Nem sempre as coisas são claras, mas algumas exigem um exercício de fé diante do Senhor. Há momentos em que precisamos perguntar: O Senhor está falando comigo, Senhor? Será que vou ter de abrir mão de minhas idéias? Quando nossa voz é muito alta, não podemos escutar a dEle. Ele fala mansamente quando ensina, mas grita quando castiga.

Um ponto importante que você sempre deve ter em  mente é que o entendimento da Bíblia não é intelectual, mas espiritual. Embora Deus use nosso intelecto, aquilo da Bíblia que pode ser entendido intelectualmente será entendido também por um incrédulo, portanto não é isso o que Deus realmente quer nos falar. Quero dizer que há coisas como costumes da época, questões arqueológicas, significados nos idiomas originais etc. que podem ajudar na leitura da Palavra de Deus, mas não são o cerne do que devemos buscar ali.

As faculdades de teologia dão grande ênfase ao ensino intelectual da Bíblia, e os teólogos e "Doutores em Divindade" (você teria coragem de levar um título assim?!) gostam de se impor sobre crentes humildes por se acharem mais aptos a compreenderem as escrituras graças aos seus cursos. Mas o que a própria Palavra de Deus diz?

1Co 1:26-29  Porque, vede, irmãos, a vossa vocação, que não são muitos os sábios segundo a carne, nem muitos os poderosos, nem muitos os nobres que são chamados.  Mas Deus escolheu as coisas loucas deste mundo para confundir as sábias; e Deus escolheu as coisas fracas deste mundo para confundir as fortes; E Deus escolheu as coisas vis deste mundo, e as desprezíveis, e as que não são, para aniquilar as que são; Para que nenhuma carne se glorie perante ele. 

1Co 2:4  A minha palavra, e a minha pregação, não consistiram em palavras persuasivas de sabedoria humana, mas em demonstração de Espírito e de poder; Para que a vossa fé não se apoiasse em sabedoria dos homens, mas no poder de Deus.  Todavia falamos sabedoria entre os perfeitos; não, porém, a sabedoria deste mundo, nem dos príncipes deste mundo, que se aniquilam; Mas falamos a sabedoria de Deus, oculta em mistério, a qual Deus ordenou antes dos séculos para nossa glória; A qual nenhum dos príncipes deste mundo conheceu; porque, se a conhecessem, nunca crucificariam ao Senhor da glória.   Mas, como está escrito: As coisas que o olho não viu, e o ouvido não ouviu, E não subiram ao coração do homem, São as que Deus preparou para os que o amam. Mas Deus no-las revelou pelo seu Espírito; porque o Espírito penetra todas as coisas, ainda as profundezas de Deus. 

1Co 2:14  Ora, o homem natural não compreende as coisas do Espírito de Deus, porque lhe parecem loucura; e não pode entendê-las, porque elas se discernem espiritualmente. 

Mat_11:25  Naquele tempo, respondendo Jesus, disse: Graças te dou, ó Pai, Senhor do céu e da terra, que ocultaste estas coisas aos sábios e entendidos, e as revelaste aos pequeninos. 

Para entender, pense em um pintor, um artista. Qualquer pessoa pode comprar o equipamento, tintas e pincéis que ele utiliza, mas somente um verdadeiro artista pode pintar. Os pincéis e as tintas são as ferramentas do pintor, mas elas nada podem fazer sem o seu talento. Assim o aprendizado de línguas antigas, arqueologia, costumes e tantas outras "ferramentas" para ajudar o estudo bíblico podem ter sua serventia, mas apenas e tão somente nas mãos de alguém nascido de novo, e mesmo assim nunca para colocá-lo numa posição acima de um crente que não sabe ler nem escrever. Digo isto porque um artista pode até fazer sua arte sem precisar do equipamento comprado em loja. Dê a ele um pedaço de caixa de papelão encontrado no lixo e um carvão tirado de uma fogueira e você verá.

Mas mesmo um crente pode ter sua sensibilidade embotada pelo seu ego, quando resiste à verdade por achar que aprendeu tudo o que deveria saber. Quero compartilhar a história de um jovem crente assim. Ele estava sempre muito certo de sua posição (um irmão que viajou com ele apelidou-o de "Tenho certeza") e tinha tudo o que pensava baseado em passagens da Bíblia, e estava sempre pronto para sacar uma delas e atirar. Principalmente quando o assunto era o novo nascimento. Sim, ele sabia que antes de ser salvo estava morto, mas não "tão" morto assim! Ele achava que havia algo em si que estava vivo o suficiente para optar pela fé em Cristo.

Um dia um irmão mais velho trouxe o assunto do novo nascimento numa reunião. Sabe o que aquele jovem fez? Levantou-se e saiu da sala de forma tempestiva, levando sua família consigo. E a partir daí teve início uma batalha de palavras e versículos entre esse irmão e aquele irmão mais velho. Mas, enquanto isso, uma batalha tinha início em seu coração também, até que ele foi obrigado a se curvar diante do Senhor e dizer: eu estou errado!

Aquele jovem crente fui eu e lutei muito contra a ideia de que não havia algo em mim que fosse capaz de crer no Senhor. Nenhum versículo podia mudar meu pensamento se isso não viesse acompanhado de uma obra do Espírito em minha alma. Deus age com graça para conosco, pois sabe que não conseguimos entender essas coisas. Se você não estiver entendendo algo agora, deixe que o Senhor o ensine. Há muitas coisas que não entendemos e sei que o pior professor nessas horas é meu próprio ego.

Que bênção quando podemos, de forma mansa e na quietude da presença do Senhor, pedir a Sua direção. E descansar nele.

"Não há sabedoria, nem inteligência, nem conselho contra o SENHOR." Pv 21:30

Para saber mais sobre o assunto citado aqui do "novo nascimento" sugiro os links abaixo:

http://www.respondi.com.br/2005/06/o-que-novo-nascimento.html

Mais acessadas da semana