As ideias aqui não são originalmente minhas, mas são fruto do que tenho aprendido da Palavra de Deus fora dos sistemas denominacionais com irmãos congregados ao nome do Senhor e também com autores de outras épocas que congregavam assim, como J. G. Bellett, C. H. Brown, J. N. Darby, E. Dennett, W. W. Fereday, J. L. Harris, W. Kelly, C. H. Mackintosh, A. Miller, F. G. Patterson, A. J. Pollock, H. L. Rossier, H. Smith, C. Stanley, W. Trotter, G. V. Wigram e muitos outros. Uma lista completa em inglês você encontra neste link.
ATENÇÃO: POR FALTA DE TEMPO SÓ RESPONDEREI PERGUNTAS INÉDITAS. NÃO RESPONDO NO WHATSAPP.
PESQUISE assunto +mario persona NO GOOGLE PARA VER SE JÁ EXISTE RESPOSTA.

Jesus mentiu quando disse que o Templo seria destruido?



https://youtu.be/q5lA5SmlYpE

Você ouviu um judeu defender o judaísmo argumentando que Jesus teria mentido quando falou que no templo não ficaria pedra sobre pedra, uma vez que o muro das lamentações existe até hoje. Eu nunca tinha escutado tal argumento, mas o fato de alguém usá-lo só mostra que o ódio a Cristo pode ser tamanho que até leva uma pessoa se candidatar a um atestado de ignorância. O templo foi sim todo demolido, não ficou pedra sobre pedra como Jesus havia previsto.

Devo protestar contra a exposição de arte LGBT?



https://youtu.be/bHCtbBXM03U

A dúvida é se eu chamaria de arte aquilo que tentaram expor com o patrocínio de um banco e continha objetos, pinturas e elementos contrários e ofensivos à fé cristã , além de abominações como sexo com animais. Diante de tamanho descalabro, não seria o caso de cristãos promoverem protestos e lutarem pela preservação da moral e dos bons costumes?

Mais acessadas da semana