As ideias aqui não são originalmente minhas, mas são fruto do que tenho aprendido da Palavra de Deus fora dos sistemas denominacionais com irmãos congregados ao nome do Senhor e também com autores de outras épocas que congregavam assim, como J. G. Bellett, C. H. Brown, J. N. Darby, E. Dennett, W. W. Fereday, J. L. Harris, W. Kelly, C. H. Mackintosh, A. Miller, F. G. Patterson, A. J. Pollock, H. L. Rossier, H. Smith, C. Stanley, W. Trotter, G. V. Wigram e muitos outros. Uma lista completa em inglês você encontra neste link.

Pesquisar este blog

Carregando...

O inferno e' eterno?



https://youtu.be/KfJLpUZaLZo

Não é a minha ou sua opinião que importa, mas o que Deus diz em Sua Palavra. O céu é um lugar de eterna ocupação com Cristo, e se você acha tedioso isso provavelmente não O conheceu ainda. Já o lago de fogo é um lugar de eterna separação de Deus e sofrimentos indizíveis. Não fui eu quem inventou isso, mas é o que a Bíblia diz. Você diz que um castigo assim contraria a própria lei de Deus, mas se Deus levasse para o céu quem não quer morar lá, o céu seria um inferno para alguém assim. Curiosamente o maior número de citações do inferno encontradas na Bíblia são da boca do Senhor Jesus nos evangelhos.

Ele chama essa condenação de "fogo eterno", não fogo fátuo, passageiro ou temporário, embora deixe claro que não é um lugar originalmente preparado para os homens, mas para os anjos. Os homens irão para lá por vontade própria:

Mt 25:41 "Então, dirá também aos que estiverem à sua esquerda: Apartai-vos de mim, malditos, para o FOGO ETERNO, preparado para o diabo e seus anjos".

Jesus também não estipula uma data para esse fogo terminar, ao contrário ele diz que NUNCA apagará:

Mt 3:12 "Em sua mão tem a pá, e limpará a sua eira, e recolherá no celeiro o seu trigo, e queimará a palha com fogo que NUNCA SE APAGARÁ".
Mc 9:43 "... para o inferno, para o fogo que NUNCA SE APAGA, onde o seu bicho não morre, e O FOGO NUNCA SE APAGA.

Jesus deixa claro que o tormento nesse fogo que nunca se apaga é igualmente eterno:

Mt 25:46 "E irão estes para o TORMENTO ETERNO, mas os justos, para a vida eterna".

Daniel mostra que o que espera os salvos é tão eterno quanto o que espera os perdidos. Negar a eternidade de uma realidade é negar a eternidade de ambas:

Dn 12:2 "E muitos dos que dormem no pó da terra ressuscitarão, uns para a VIDA ETERNA e outros para VERGONHA E DESPREZO ETERNO".

Apocalipse confirma a eternidade dessa perdição:

Ap 14:10 "também o tal beberá do vinho da ira de Deus, que se deitou, não misturado, no cálice da sua ira, e será atormentado com fogo e enxofre diante dos santos anjos e diante do Cordeiro. E a fumaça do seu tormento SOBE PARA TODO O SEMPRE; e não têm repouso, nem de dia nem de noite".

Portanto, você pode ter até sua opinião, mas não pode dizer que ela seja baseada na Palavra de Deus, a qual é categórica a respeito da eternidade, tanto da salvação quanto da perdição.

Mais acessadas da semana