As ideias aqui não são originalmente minhas, mas são fruto do que tenho aprendido da Palavra de Deus fora dos sistemas denominacionais com irmãos congregados ao nome do Senhor e também com autores de outras épocas que congregavam assim, como J. G. Bellett, C. H. Brown, J. N. Darby, E. Dennett, W. W. Fereday, J. L. Harris, W. Kelly, C. H. Mackintosh, A. Miller, F. G. Patterson, A. J. Pollock, H. L. Rossier, H. Smith, C. Stanley, W. Trotter, G. V. Wigram e muitos outros. Uma lista completa em inglês você encontra neste link.

Pesquisar este blog

Carregando...

Tendencia suicida e' maldicao familiar?



https://youtu.be/xAPhnZPZx2o

Você diz que sofre de um mal desde a infância e que alguns dizem que isso é decorrente de uma maldição de família. Esqueça essa história de maldição de família. É mais uma invenção para encher os bolsos de alguns pregadores. Você escreve também que seu sofrimento o leva a pensar constantemente em suicidar-se.

Se leu o testemunho de minha conversão em em www.stories.org.br/angels.html terá visto que essas idéias também já passaram por minha cabeça um dia. A questão é: Se você já tivesse morrido, onde estaria agora? A vida não termina quando seu corpo morre. A Bíblia diz que o homem morre uma vez, mas então vem o juízo, o que não é uma perspectiva agradável.

Mas a mesma Palavra de Deus diz que se você crer no Senhor como seu Salvador, estará livre de qualquer julgamento. Isto porque seus pecados foram pagos na cruz, deixando você sem um pecado sequer para pagar. Mas a fé nEle é o passo que vacilamos tanto dar, e você sabe disto.

O Senhor Jesus é a Pessoa mais fácil de ser encontrada. Ele é Deus e Ele é homem. Lembre-se de que Ele veio a este mundo como um Homem e compreende muito bem o que você sente. Veja que naquilo em que Ele sofreu pode socorrer os que são tentados (Hebreus 2:18). Em outra passagem diz que não temos um sumo sacerdote que não possa se compadecer de nossas fraquezas, mas um que em tudo foi tentado como somos, porém sem pecado. Diz que devemos ir ao trono da graça para obtermos graça e misericórdia em tempo oportuno. Hebreus 4:15,16.

Não é maravilhoso? Ele deixou a porta aberta para os pecadores como eu e você nos aproximarmos dEle e encontrarmos ajuda sempre que precisamos! E Ele chama você de uma maneira que ninguém mais poderia fazer: Vinde a Mim (diz Ele) todos vós (inclusive você) que estais cansados e sobrecarregados, e Eu vos aliviarei. Mateus 11:28-30.

Então, o que fazer? O que você ganhou depois de todos estes anos que viveu aqui nesta vida - sozinho e sem Aquele a Quem pudesse correr na hora da dificuldade? E mais do que isto, o que ganhará se terminar sua jornada aqui? Veja que Deus oferece, através do Senhor Jesus, tudo o que só Deus pode oferecer!

Procure ser a Bíblia. É melhor começar pelo evangelho de João, no Novo Testamento. Dê a Deus uma chance de falar com você, em seu coração. Ele o fará, como fez comigo há muitos anos e continua fazendo com qualquer um que for a Jesus e se render em Seus bondosos braços.

Existe um vazio no coração do homem que só Deus pode preencher, mas Ele não preenche até que você dê a Ele esta chance. Não há nada que Ele queira pedir de você além de seu coração. E Ele irá curar seu coração de uma forma que ninguém mais poderia. Deus quer dar; Ele não quer tirar nada de você além de seus pecados e sua tristeza. Render-se a Ele é a palavra exata aqui. Pare de lutar contra Aquele que ama você de tal modo que entregou Seu Filho amado para morrer por você na cruz.

O que mais posso dizer? A vida é muito curta para gastá-la vivendo na dúvida e no medo. Principalmente quando você sabe que existe uma alternativa e que esta é aceitar a Cristo como seu Salvador. Não, não, não, o coração não O deseja, seu coração O odeia por natureza. Por isso usei a palavra "render-se". Que alívio você encontraria quando, depois de lutar contra Alguém que achou ser seu inimigo, você se rendesse a Ele e descobrisse que se enganou em lutar. Ele nunca teve o desejo de amaldiçoar ou machucar você, mas sempre quis lhe abençoar.

Pense nisto como se você estivesse tentando dar um doce a uma criança. Você vai atrás dela, mas ela está sempre fugindo de você. Você tenta segui-la, mas ela escapa. Não há como ajudar a menos que a criança pare e diga, "Está bem, vou escutar o que você está querendo me dizer, vou aceitar o que quer me dar".

É exatamente isto que você deve fazer agora com o Senhor. Fale com Ele, conte a Ele todos os seus temores, toda a sua dor, todas as suas tristezas. Ele irá escutar. Diga a Ele que você não pode continuar sozinho. Diga a Ele que você quer recebê-Lo em seu coração; peça a Ele que salve você de seus pecados, da vida miserável que está vivendo.

Eu sei o que é desanimador o que você está sentindo, porque também já passei por isso. Não passei por tudo o que você está passando, pois nunca sofri de uma enfermidade ou tive dores constantes como você diz que tem. Mas Jesus sabe o que é passar por sofrimento e dor, e Ele é o seu recurso. Mas você não descobrirá isso até que se renda e deixe que Seus braços de amor envolvam você e que Sua mão carinhosa o guie.

Mais uma palavrinha sobre o suicídio. Acredito que não exista alguém que tenha sofrido tanto quanto Jó, tanto é que o próprio nome de Jó acabou virando um sinônimo de sofrimento. Ele diz:

Jó 7:14 "Então, me espantas com sonhos e com visões me assombras; pelo que a minha alma escolheria, antes, a estrangulação; e, antes, a morte do que estes meus ossos. A minha vida abomino, pois não viverei para sempre; retira-te de mim, pois vaidade são os meus dias".

O profeta Jeremias também foi um que não via qualquer graça na vida:

Jer 20:14-18 "Maldito o dia em que nasci; o dia em que minha mãe me deu à luz não seja bendito. Maldito o homem que deu as novas a meu pai, dizendo: Nasceu-te um filho; alegrando-o com isso grandemente. E seja esse homem como as cidades que o SENHOR destruiu sem que se arrependesse; e ouça ele clamor pela manhã e, ao tempo do meio-dia, um alarido. Por que não me matou desde a madre? Ou minha mãe não foi minha sepultura? Ou não ficou grávida perpetuamente? Por que saí da madre para ver trabalho e tristeza e para que se consumam os meus dias na confusão?"

Mesmo assim, apesar de todo o sofrimento, decepção e angústia desses homens, eles não tentaram tirar a própria vida, pois sabiam que suas vidas não pertencia a eles, mas a Deus. Veja o que acontece quando a própria mulher de Jó sugere que a melhor saída para ele seria suicidar-se:

Jó 2:8 "E Jó, tomando um pedaço de telha para raspar com ele as feridas, assentou-se no meio da cinza. Então, sua mulher lhe disse: Ainda reténs a tua sinceridade? Amaldiçoa a Deus e morre. Mas ele lhe disse: Como fala qualquer doida, assim falas tu; receberemos o bem de Deus e não receberíamos o mal? Em tudo isto não pecou Jó com os seus lábios".

(Esta mensagem originalmente não contém propaganda. Alguns sistemas de envio de email ou RSS costumam adicionar mensagens publicitárias que podem não expressar a opinião do autor.)

Mais acessadas da semana