As ideias aqui não são originalmente minhas, mas são fruto do que tenho aprendido da Palavra de Deus fora dos sistemas denominacionais com irmãos congregados ao nome do Senhor e também com autores de outras épocas que congregavam assim, como J. G. Bellett, C. H. Brown, J. N. Darby, E. Dennett, W. W. Fereday, J. L. Harris, W. Kelly, C. H. Mackintosh, A. Miller, F. G. Patterson, A. J. Pollock, H. L. Rossier, H. Smith, C. Stanley, W. Trotter, G. V. Wigram e muitos outros. Uma lista completa em inglês você encontra neste link.

Pesquisar este blog

Carregando...

Onde na Biblia diz que reencarnacao nao existe?



https://youtu.be/EfrzVUBGzdg

Há muitos anos vi um filme de pessoas que vivem no futuro, depois da destruição da civilização por uma guerra nuclear. Lá esse grupo encontra uma aldeia onde viviam pessoas dominadas por uma religião rigorosa baseada em um livro.

Quando veem o "livro sagrado" daquela civilização, descobrem que é o manual de procedimentos encontrado nas ruínas de um zoológico. Os descendentes dos sobreviventes da guerra nuclear tinham criado uma religião acreditando que os "animais" do "livro sagrado" era uma figura de linguagem para os seres humanos.

Assim eles seguiam à risca tudo o que dizia ali sobre como deviam viver, se alimentar, reproduzir e até serem castigados por mau comportamento ou sacrificados quando quebravam uma perna. A história não é muito diferente quando o assunto é a Bíblia.

O espiritismo lê a Bíblia, e os evangelhos em particular, como se fosse um conjunto de regras que devemos seguir para nos tornarmos pessoas melhores. O fato de os espíritas acreditarem piamente nisso não muda nada. Se você comprar um mapa de Minas Gerais para guiá-lo em sua viagem de férias no Paraná, por mais que acredite que aquele mapa serve para lá, isso não muda o fato de que você está enganado.

A palavra "evangelho" significa "boas novas" ou "boa notícia". Que boa notícia? Que eu devo seguir uma lista de regras para me tornar uma pessoa melhor e reencarnar "n" vezes para eliminar meu carma? Bem, isso não é uma boa notícia. Então qual é a boa notícia afinal? Qual é o assunto da Bíblia?

Você encontra uma lista de regras no Antigo Testamento, a LEI, dada por Deus para provar que o homem é incapaz de ser salvo de seus pecados seguindo uma lista de regras. Você aprende isso quando lê o apóstolo Paulo explicando para que serviam aquelas regras. Então o Novo Testamento começa com a tal "boa notícia":

"Mas o anjo lhes disse: "Não tenham medo. Estou lhes trazendo boas novas de grande alegria, que são para todo o povo: Hoje, na cidade de Davi, lhes nasceu o Salvador que é Cristo, o Senhor. ... e lhe chamarão Emanuel, que significa "Deus conosco". Lc 2:10; Mt 1:23

A boa notícia é esta: (1) Podemos deixar de ter medo; (2) a boa notícia é de grande alegria; (3) nasceu o Salvador, Cristo e Senhor, isto é, um que nos salva de nossos pecados, é o mesmo que foi anunciado pelos profetas para Israel, e é Senhor ou dono absoluto de tudo; (4) é o próprio Deus vindo habitar conosco.

Isto sim é uma boa notícia para pessoas apavoradas com o juízo eterno, que não têm alegria nesta vida cheia de desgraças, doenças e morte, e acreditam que terão de evoluir ou reencarnar para salvarem a si próprias.

Repetindo: A Bíblia toda não é um manual de como devemos viver, mas é uma "boa notícia", algo como um fato estampado na página de um jornal. O famoso livro SunTzu é um manual de estratégias para quem vai à guerra. O evangelho não é um Sun Tzu. O evangelho é a notícia que o mensageiro traz do campo de batalha dizendo: "A guerra foi vencida!".

A Bíblia, antes de Cristo, é o relato de como os homens caíram na armadilha do pecado e ficaram aprisionados por Satanás, o inimigo de nossas almas. É também o anúncio do que Deus pretendia fazer para livrá-los. A Bíblia, depois de Cristo, é a notícia de Jesus resolveu o problema de uma vez para sempre. "Está consumado", está pronto, está resolvido.

Ao morrer na cruz como substituto do pecador, levando sobre si as culpas que não eram suas e sendo castigado ali no lugar dos donos daquelas dívidas, Jesus livrou de TODOS os pecados aqueles que nele creem. Daí ele ser chamado de SALVADOR. Um salva-vidas é chamado assim porque pula na água para tirar do mar o afogado, cujo coração pode até já ter parado de bater. Ele não é chamado de salva-vidas porque fica da praia gritando o que o afogado deve fazer para sair de lá.

Tendo isso tudo em vista, não há como conciliar a Bíblia com o espiritismo, por mais que os espíritas tentem encontrar nela preceitos morais semelhantes aos ensinados por Kardec. Se Deus deu, no Antigo Testamento, uma Lei cheia de preceitos para provar que o homem era incapaz de segui-los (porque caindo apenas na cobiça mental já era culpado de transgredir toda a Lei), então não há como ser salvo dos pecados seguindo preceitos para uma vida melhor. "Se a justiça vem pela lei, Cristo morreu inutilmente". Gl 2:21

Se Jesus é chamado de "Salvador", de "Cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo", de um que "levou em seu corpo os nossos pecados sobre o madeiro", descrito como um que "foi transpassado por causa das nossas transgressões, foi esmagado por causa de nossas iniquidades; o castigo que nos trouxe paz estava sobre ele, e pelas suas feridas fomos curados", não faz sentido pensar em reencarnação para salvar-se a si mesmo por meio de um processo evolutivo e de auto-eliminação do carma.

Percebe que a Bíblia nem precisa dizer "a reencarnação não existe", simplesmente porque o que ela declara a respeito de Jesus já elimina a possibilidade de ela existir? Deixe de ler a Bíblia como um manual de como deve viver, e passe a lê-la como quem lê a carta que o mensageiro trouxe do campo de batalha e você verá que não há como tentar conciliar sua doutrina com o espiritismo.

Rom 5:12 Portanto, da mesma forma como o pecado entrou no mundo por um homem, e pelo pecado a morte, assim também a morte veio a todos os homens, porque todos pecaram;
Rom 5:18 Consequentemente, assim como uma só transgressão resultou na condenação de todos os homens, assim também um só ato de justiça resultou na justificação que traz vida a todos os homens.
Rom 5:19 Logo, assim como por meio da desobediência de um só homem muitos foram feitos pecadores, assim também, por meio da obediência de um único homem muitos serão feitos justos.

(Esta mensagem originalmente não contém propaganda. Alguns sistemas de envio de email ou RSS costumam adicionar mensagens publicitárias que podem não expressar a opinião do autor.)

Mais acessadas da semana