fonte

Como se chama a pessoa que dirige a congregacao?



https://youtu.be/jhsFfDtedIc

Depois de ler aqui que o modelo "pastor" que encontramos hoje na cristandade não tem respaldo bíblico, sua dúvida foi como devemos chamar a pessoa que fica à frente de uma congregação dirigindo as reuniões.

Não devemos, pois não existe no Novo Testamento uma pessoa à frente da congregação. Ficamos tão acostumados a encontrar isso, primeiro no catolicismo, depois no protestantismo, que nem paramos para olhar se tem fundamento. Porém você escreveu que "em todas as igrejas abertas pelos apóstolos, para cada uma delas, eles elegiam alguém para ficar à frente".

Não elegiam "alguém". O que havia eram os presbíteros (sempre no plural) que zelavam pelo rebanho. Não eram necessariamente os mesmos que pregavam ou ensinavam, pois neste caso temos os dons de pastores e mestres (naquele tempo havia ainda apóstolos e profetas, pois eles não tinham a Palavra escrita).

Quanto ao que escreveu, que "na carta de Paulo a Tito, ele ordena a Tito que escolha um presbítero para cada cidade", mais uma vez não se trata de "presbítero" no singular, mas do plural "presbíteros". Veja o texto:

Tit 1:5 "Por esta causa te deixei em Creta, para que pusesses em boa ordem as coisas que ainda restam e, de cidade em cidade, estabelecesses PRESBÍTEROS, como já te mandei".

Mesmo assim, ao anunciar a ruína que iria se abater sobre a casa de Deus depois de sua partida, Paulo se dirige aos presbíteros (ou bispos) de Éfeso não mais como homens escolhidos por indicação direta dos apóstolos (como foi o caso da ordem dada a Tito), mas como escolhidos pelo Espírito Santo.

Ats 20:28 "Olhai, pois, por vós e por todo o rebanho sobre que o Espírito Santo vos constituiu bispos, para apascentardes a igreja de Deus, que ele resgatou com seu próprio sangue".

Considerando a ruína em que hoje se encontra o testemunho, quem seriam os "presbíteros" de Éfeso? Veja que ele está falando daqueles que apascentam a igreja de Deus - não a igreja "A", "B" ou "C" - em uma determinada cidade.

Você entenderá melhor o assunto lendo o que já respondi a outros nestes links:

http://www.respondi.com.br/2008/09/devemos-obedecer-autoridade-humana-na.html
http://www.respondi.com.br/2008/02/devo-fazer-um-curso-de-teologia.html
http://www.respondi.com.br/2007/12/como-voce-entende-expressao-casa-de.html
http://www.respondi.com.br/2007/02/um-ministro-ordenado-por-um-presbitrio.html
http://www.respondi.com.br/2007/01/quem-pode-ser-chamado-de-bispo.html
http://www.respondi.com.br/2007/01/como-saber-se-um-apstolo-genuno.html
http://www.respondi.com.br/2007/01/como-saber-se-uma-igreja-reconhece-o.html
http://www.respondi.com.br/2006/08/obedincia-aos-pastores-incondicional.html
http://www.respondi.com.br/2005/07/com-que-autoridade-bblica-perguntas.html
http://www.respondi.com.br/2005/06/o-que-um-clrigo.html
http://www.respondi.com.br/2005/06/como-deve-ser-o-clero-na-igreja.html
http://www.respondi.com.br/2005/06/qual-hierarquia-na-igreja.html
http://www.respondi.com.br/2005/06/devemos-obedecer-aos-pastores.html
http://www.respondi.com.br/2005/05/como-os-dons-se-manifestam-na-igreja.html
http://www.respondi.com.br/2005/05/quem-deve-liderar-nas-reunies-da.html

(Esta mensagem originalmente não contém propaganda. Alguns sistemas de envio de email ou RSS costumam adicionar mensagens publicitárias que podem não expressar a opinião do autor.)

Nunca compartilharemos seu email com terceiros.

Mario Persona é palestrante e consultor de comunicação, marketing e desenvolvimento profissional www.mariopersona.com.br. Não possui formação ou título eclesiástico e nem está ligado a alguma denominação religiosa, estando congregado desde 1981 somente ao Nome do Senhor Jesus. Esta mensagem originalmente não contém propaganda. Alguns sistemas de envio de email ou RSS costumam adicionar mensagens publicitárias que podem não expressar a opinião do autor.
O que respondi by Mario Persona is licensed under a Creative Commons Atribuição-Vedada a Criação de Obras Derivadas 2.5 Brasil License. Creative Commons License
Esclarecimentos: O conteúdo deste blog traz respostas a perguntas de correspondentes, portanto as afirmações feitas aqui podem não se aplicar a outras pessoas e situações. Algumas respostas foram construídas a partir da reunião das dúvidas de mais de um correspondente. O objetivo é apenas mostrar o que a Bíblia diz a respeito das questões levantadas, e não sugerir qualquer ingerência de cristãos na política e na sociedade, no sentido de exigir que as pessoas sigam os preceitos bíblicos. O autor é favorável à livre expressão e, ainda que seu entendimento da Bíblia possa conflitar com a opinião de alguns, defende o respeito às pessoas de diferentes crenças e estilos de vida. Aqui são discutidas ideias e julgadas doutrinas, não pessoas. A opção "Comentários" foi desligada, não por causa das opiniões contrárias, mas de opiniões que pareciam favoráveis mas que tinham o objetivo ofender pessoas ou fazer propaganda de alguma igreja ou religião, induzindo os leitores ao erro.

Respondi

O que Respondi

3 Minutos

Evangelho em 3 Minutos

Pela Graça