fonte

Os primeiros cristaos congregavam em sinagogas?



http://youtu.be/Ue4vOMVRDjI

Quando observamos o modo de agir dos primeiros cristãos devemos ter em mente que nem sempre isso serve de exemplo para nós. A igreja teve início em Atos 2 e era inicialmente composta por judeus convertidos a Cristo. A princípio eles não entenderam exatamente o que era a Igreja, pois em nenhum lugar do Antigo Testamento os profetas haviam previsto que Cristo teria um corpo na terra formado pelos salvos, de cujo corpo o próprio Jesus seria a Cabeça no céu.

Por isso logo no início de Atos ainda vemos os cristãos frequentando o Templo em Jerusalém, mas eles logo deixariam de fazer isso para se reunirem em casas. Uma das primeiras epístolas, a de Tiago, ainda chama de "sinagoga" (esta é a palavra que está no original grego) o lugar de reuniões, mas é preciso também entender duas coisas.

Devemos ter em mente que a epístola de Tiago é uma das mais antigas e foi escrita no ano 45 AD, ou seja, cerca de apenas 12 anos depois da morte e ressurreição de Cristo. Como Paulo se converteu entre 31 e 36 e só depois disso é que teve a revelação do que era a igreja, podemos considerar que Tiago estivesse escrevendo a judeus cristãos que ainda carregavam uma grande dose de judaísmo em seus costumes e nomenclaturas utilizadas. Isso seria seria corrigido depois pela epístola aos Hebreus, que foi escrita uns 20 anos depois da de Tiago.

Vemos Paulo visitando sinagogas em Atos, mas elas eram de judeus e não de cristãos. Paulo e outros iam lá para pregar o evangelho aos judeus. Quando eles se convertiam a Cristo paravam de ir às sinagogas. As sinagogas tinham um caráter de escolas de judaísmo, onde o Antigo Testamento era lido e onde faziam orações. Não era um lugar de adoração, pois no judaísmo o único lugar de adoração era o templo em Jerusalém.

Não existe qualquer semelhança entre uma sinagoga e um salão de reuniões cristãs (isto quando os cristãos se reúnem em salões, porque muitos se reúnem em casas, escritórios, garagens, escolas, hotéis etc.). O lugar de reuniões do cristão não tem significado algum, é apenas um endereço físico e é um erro chamá-lo de Templo. Infelizmente muitos cristãos cometem este erro ao emprestarem do judaísmo muitos elementos que são estranhos à fé cristã. Se entendessem a epístola aos Hebreus abandonariam de vez o "arraial" contaminado pelo judaísmo.

É a QUEM estamos reunidos que importa e não o endereço físico ou se tem quatro paredes ou não. Quando há muitos irmãos e existe esta facilidade, costuma-se alugar ou comprar um salão, mas este não tem qualquer paralelo com as sinagogas dos judeus. Comparar a igreja (que nunca na Bíblia é um edifício físico) a uma sinagoga (que é um edifício) é perder de vista o ensino no Novo Testamento e deixar de desfrutar as verdades que foram reveladas a Paulo acerca do corpo de Cristo e da assembleia que deve estar congregada ao seu Nome.

Mais informações nestes links:
http://manjarcelestial.blogspot.com.br/2010/01/fora-do-arraial-longe-do-arraial.html
http://manjarcelestial.blogspot.com/2011/10/verdadeira-igreja-j-h-smith.html
http://respondi.blogspot.com/2005/05/por-que-h-tantas-denominaes.html
http://respondi.blogspot.com/2005/05/em-que-templo-devo-adorar.html
http://respondi.blogspot.com/2005/05/o-que-significa-mesa-do-senhor.html
http://respondi.blogspot.com/2005/05/como-celebrar-ceia-do-senhor.html
http://respondi.blogspot.com/2005/05/onde-celebrar-ceia-do-senhor.html
http://respondi.blogspot.com/2005/05/o-que-significa-palavra-igreja.html
http://respondi.blogspot.com/2005/05/o-que-significa-reunir-se-ao-nome-do.html
http://respondi.blogspot.com/2005/05/qual-o-verdadeiro-lugar-de-adorao.html
http://respondi.blogspot.com/2005/05/quem-deve-liderar-nas-reunies-da.html
http://respondi.blogspot.com/2005/05/devemos-usar-instrumentos-musicais-na.html
http://respondi.blogspot.com/2005/05/voc-j-pertenceu-alguma-denominao.html
http://respondi.blogspot.com/2005/05/possvel-congregar-com-desprendimento.html
http://respondi.blogspot.com/2005/06/qual-hierarquia-na-igreja.html
http://respondi.blogspot.com/2005/06/devemos-obedecer-aos-pastores.html
http://respondi.blogspot.com/2005/06/o-que-significa-o-arraial-de-hebreus.html
http://respondi.blogspot.com/2005/06/como-deve-ser-o-clero-na-igreja.html
http://www.stories.org.br/textos/qde.html
http://www.stories.org.br/textos/idh.html
http://www.stories.org.br/textos/principios.html
http://www.stories.org.br/gather_p.html

por Mario Persona

(Esta mensagem originalmente não contém propaganda. Alguns sistemas de envio de email ou RSS costumam adicionar mensagens publicitárias que podem não expressar a opinião do autor.)

Nunca compartilharemos seu email com terceiros.

Mario Persona é palestrante e consultor de comunicação, marketing e desenvolvimento profissional www.mariopersona.com.br. Não possui formação ou título eclesiástico e nem está ligado a alguma denominação religiosa, estando congregado desde 1981 somente ao Nome do Senhor Jesus. Esta mensagem originalmente não contém propaganda. Alguns sistemas de envio de email ou RSS costumam adicionar mensagens publicitárias que podem não expressar a opinião do autor.
O que respondi by Mario Persona is licensed under a Creative Commons Atribuição-Vedada a Criação de Obras Derivadas 2.5 Brasil License. Creative Commons License
Esclarecimentos: O conteúdo deste blog traz respostas a perguntas de correspondentes, portanto as afirmações feitas aqui podem não se aplicar a outras pessoas e situações. Algumas respostas foram construídas a partir da reunião das dúvidas de mais de um correspondente. O objetivo é apenas mostrar o que a Bíblia diz a respeito das questões levantadas, e não sugerir qualquer ingerência de cristãos na política e na sociedade, no sentido de exigir que as pessoas sigam os preceitos bíblicos. O autor é favorável à livre expressão e, ainda que seu entendimento da Bíblia possa conflitar com a opinião de alguns, defende o respeito às pessoas de diferentes crenças e estilos de vida. Aqui são discutidas ideias e julgadas doutrinas, não pessoas. A opção "Comentários" foi desligada, não por causa das opiniões contrárias, mas de opiniões que pareciam favoráveis mas que tinham o objetivo ofender pessoas ou fazer propaganda de alguma igreja ou religião, induzindo os leitores ao erro.

Respondi

O que Respondi

3 Minutos

Evangelho em 3 Minutos

Pela Graça