As ideias aqui não são originalmente minhas, mas são fruto do que tenho aprendido da Palavra de Deus fora dos sistemas denominacionais com irmãos congregados ao nome do Senhor e também com autores de outras épocas que congregavam assim, como J. G. Bellett, C. H. Brown, J. N. Darby, E. Dennett, W. W. Fereday, J. L. Harris, W. Kelly, C. H. Mackintosh, A. Miller, F. G. Patterson, A. J. Pollock, H. L. Rossier, H. Smith, C. Stanley, W. Trotter, G. V. Wigram e muitos outros. Uma lista completa em inglês você encontra neste link.

Pesquisar este blog

Carregando...

O que fazer se minha esposa não pensa igual?



https://youtu.be/kuARgBqFkJ8

Sinto pelas dificuldades que tem passado com sua esposa, depois que você decidiu deixar a denominação por não encontrar fundamento bíblico para permanecer lá. A cristandade afastou-se de tal maneira do modelo que encontramos no Novo Testamento que quando procuramos nos reunir do modo como a Palavra ensina somos vistos como "estranhos". Isso é normal, pois as pessoas sentem uma certa segurança no modelo inventado pelos homens, pois já se acostumaram a ele.

Eu me lembro de quando decidi sair da denominação onde estava para congregar somente em nome do Senhor com irmãos que já faziam isso antes de mim, em comunhão com irmãos em todo o mundo que congregam dessa maneira. Embora eu já fosse casado e independente, meus pais ficaram muito preocupados e chegaram a sugerir que eu procurasse uma "igreja" dentro dos moldes convencionais, pois achavam aquelas reuniões muito estranhas. Que história era aquela de congregar sem um templo, sem um padre ou pastor, sem uma estrutura institucional?

O tempo passou, meus pais se converteram e acabaram congregados também somente em nome de Jesus por vários anos, até o Senhor chamá-los para o céu (meu pai em 1998 e minha mãe em 2005). Eles entenderam de tal forma o que aquele era o modelo bíblico para os cristãos se reunirem que até construíram o salão de reuniões que você conheceu.

Portanto fique tranquilo. Não vá destruir seu casamento por causa disso. Aguarde, pois o tempo é um ótimo remédio para tudo, inclusive para você poder começar a congregar se desejar. Enquanto isso trate bem sua esposa e permaneça naquilo que você já conquistou, isto é, separado das denominações e aprendendo cada vez mais do Senhor e de Sua Palavra. Ninguém poderá obrigá-lo a voltar a uma denominação se o Senhor já tiver lhe mostrado o erro que isso significa. Este será um exercício que você mesmo precisará ter com o Senhor, de permanecer fiel à vontade dEle e lendo a Palavra sozinho em casa, se isso mantiver um clima de paz. Ele certamente mostrará a você quando e como agir, bem como é poderoso para abrir os olhos de sua esposa. Além disso, sua perseverança poderá ser premiada por outros que o Senhor possa querer ajuntar aí em sua cidade.

É claro que numa situação assim devemos entender de onde vem o atrito todo e quem está realmente descontente com essa situação. Por isso entenda que sua luta não deve ser contra a carne, ou seja, contra seres humanos (no caso sua esposa), mas contra anjos, as potestades nos lugares celestiais, portanto uma batalha que travamos de joelhos. A mulher, como a parte mais frágil, é sempre o alvo mais vulnerável ao ataque do inimigo e ele pode fazer um grande estrago no casamento quando consegue tocar naquela que ele conseguiu enganar no princípio (1Tm 2:14 "Adão NÃO FOI ENGANADO, mas a mulher, sendo enganada, caiu em transgressão"). O "porei inimizade entre ti e a mulher" continua valendo ainda hoje.

Você entenderá melhor o que estou dizendo quando ler os dois links abaixo:

http://www.respondi.com.br/2010/08/como-assim-salvar-se-dando-luz-filhos.html
http://escritosdolemao.blogspot.com/2011/03/para-ser-salva-deve-mulher-dar-luz.html

Recentemente um irmão que se separou da denominação onde congregava enfrentou o mesmo problema, quando o tempo fechou em sua casa com sua esposa que quis continuar na denominação. Ele decidiu simplesmente esperar e orar, e logo sua esposa viu que não poderia interferir na fé do marido. Ela continua indo em sua denominação, enquanto ele já está em contato com outros irmãos que também acabaram de conhecer a verdade de como devem se reunir em sua cidade e já planejam se encontrar regularmente para estudar a Palavra.

O primeiro passo é a separação dos sistemas criados pelo homem, e aí o Senhor dará luz para o passo seguinte. Mas é importante manter-se purificado dessas coisas (2 Tm 2) para sermos vaso útil nas mãos do Senhor para coisas para as quais Ele não poderia nos usar se continuássemos comprometidos com os sistemas. A fé é individual e a convicção deve vir do Senhor. Você não pode convencer sua esposa e ela não pode convencer você, pois qualquer convicção que vier de homens (inclusive de mim) não é de Deus.Nosso recurso está em Deus, no Espírito Santo que habita em nós, e na Palavra de Deus. Quando Paulo se despediu dos anciãos de Éfeso, foi a esse recurso que ele os encaminhou.

Ats 20:32  Agora, pois, irmãos, encomendo-vos a Deus e à palavra da sua graça; a ele que é poderoso para vos edificar e dar herança entre todos os santificados.

Fiquei contente também por saber que pode testemunhar de sua fé simplesmente baseando-se no que a Bíblia diz, e não nos dogmas de alguma denominação. É um privilégio imenso poder pregar o evangelho puro, sem amarras. Sempre me lembro de uma irmã em Cristo que era de uma determinada denominação e quando soube o modo como eu congregava ela disse que sempre que pregava o evangelho para alguém evitava falar que era daquela denominação. Eu perguntei a razão e ela disse que era para evitar qualquer barreira caso a pessoa tivesse algo contra a igreja que frequentava. Perguntei a ela por que ela não se livrava de algo que podia servir de empecilho para pregar o evangelho e ficava só com Cristo.

Quando vejo irmãos fazendo das tripas coração para defenderem algum pastor, alguma igreja, alguma organização, sinto um alívio por poder testemunhar de Cristo fora disso tudo.

(Esta mensagem originalmente não contém propaganda. Alguns sistemas de envio de email ou RSS costumam adicionar mensagens publicitárias que podem não expressar a opinião do autor.)

Mais acessadas da semana