As ideias aqui não são originalmente minhas, mas são fruto do que tenho aprendido da Palavra de Deus fora dos sistemas denominacionais com irmãos congregados ao nome do Senhor e também com autores de outras épocas que congregavam assim, como J. G. Bellett, C. H. Brown, J. N. Darby, E. Dennett, W. W. Fereday, J. L. Harris, W. Kelly, C. H. Mackintosh, A. Miller, F. G. Patterson, A. J. Pollock, H. L. Rossier, H. Smith, C. Stanley, W. Trotter, G. V. Wigram e muitos outros. Uma lista completa em inglês você encontra neste link.

Pesquisar este blog

Carregando...

Devo mudar de emprego?



https://youtu.be/aylfAvcJygQ

Esta é uma questão e um exercício entre você e o Senhor. O importante é estarmos no lugar e na hora em que o Senhor quer que estejamos. Lembre-se de que José de Arimateia e Nicodemos podiam se considerar em um lugar pouco útil, já que não estavam envolvidos diretamente na pregação do evangelho como os outros discípulos, mas sim ocupados com suas responsabilidades no sinédrio ou senado.

No entanto foram eles que tiraram o corpo de Jesus da cruz e o sepultaram, colocando em risco suas carreiras e reputação quando nenhum outro discípulo queria chegar perto. Eles eram as pessoas certas para serem usadas pelo Senhor na hora designada. Quem dentre aqueles pescadores iletrados, que eram os apóstolos, teria tal acesso a Pilatos ao ponto de ser recebido pelo governador e ter seu pedido para remover o corpo aprovado?

Qualquer pessoa em qualquer profissão pode ter comunhão com o Senhor, até fazendo parte da "família de César". Sim, existiam membros da família do imperador (o cruel imperador) que eram convertidas e enviam saudações por intermédio de Paulo. O importante é fazer a obra de Deus onde quer que estejamos.

Flp 4:22 Todos os santos vos saúdam, mas principalmente os que são da casa [família] de César.

Em todos os lugares onde trabalhei acredito que Deus tenha me usado de uma maneira ou de outra para fazer a Sua obra, mesmo que fazer a Sua obra significasse simplesmente orar por meus colegas de trabalho. Muita coisa eu só irei saber e entender no céu. Na maioria das vezes eu nem imagino como Ele me usou, mas sei que de algum modo a sua Palavra foi testemunhada ali e orações subiram ao céu.

Posso dizer também que Deus usou todos esses lugares e pessoas para meu aprendizado. Às vezes somos muito prontos a buscar a posição de professor, sem nos lembrarmos de que Deus pode muito bem nos querer numa posição de alunos. É muito bom pregar às pessoas sobre a paciência ou sobre esperar no Senhor, mas quando nós mesmos precisamos exercitar isso, aí a coisa muda de figura, não é mesmo?

Em Apocalipse 10 encontramos João recebendo um livrinho que coloca na boca e acha doce, mas que fica amargo quando engole. Foi só depois de engolir e sentir o amargor daquela mensagem é que ele estava pronto para testemunhar. Assim é conosco: Deus permite diferentes empregos e trabalhos aqui para aprendermos e ficarmos aptos a testemunhar.

Apo 10:9-11  E fui ao anjo, dizendo-lhe: Dá-me o livrinho. E ele disse-me: Toma-o, e come-o, e ele fará amargo o teu ventre, mas na tua boca será doce como mel. E tomei o livrinho da mão do anjo, e comi-o; e na minha boca era doce como mel; e, havendo-o comido, o meu ventre ficou amargo. E ele disse-me: Importa que profetizes outra vez a muitos povos, e nações, e línguas e reis. 

Os empregos ou lugares mais amargos costumam ser os que mais nos ensinam, pois estarão bem no espírito daquilo que aconteceu com o Senhor aqui. Quer lugar menos propício para Ele do que o tempo que passou neste mundo? Mesmo assim hoje sabemos como foi importante Ele ter vindo e sofrer o que sofreu.

Guardadas as devidas proporções, todos os lugares por onde passamos e as profissões e experiências que temos aqui nesta vida servirão de algum modo se as colocarmos para a glória de Deus. Até mesmo as maiores dificuldades podem ser de grande utilidade quando nas mãos dAquele que não irá desperdiçar nossa vida aqui.

2Co 1:4 Que nos consola em toda a nossa tribulação, para que também possamos consolar os que estiverem em alguma tribulação, com a consolação com que nós mesmos somos consolados por Deus.

Lembre-se de que nossa vida aqui só sera desperdiçada se vivermos para nós mesmos, como fez Ló, que perdeu tudo por ter sido atraído pelas campinas verdes de Sodoma e buscar uma posição de destaque neste mundo, o que não era a vontade de Deus para ele.

Pouco a pouco ele foi armando sua tenda, cada vez mais perto da cidade iníqua de Sodoma, até que acabamos encontrando aquele servo de Deus sentado na porta da cidade, um lugar e posição que era dada aos juízes das cidades naquele tempo. O que Ló estava fazendo metido na política de Sodoma?! Ló é o tipo do cristão que tem sua alma salva, mas sua vida perdida. Ao contrário de Abraão, que foi peregrino o tempo todo neste mundo e mantinha comunhão com Deus.


Ore e coloque suas dificuldades e anseios para o Senhor e espere nEle. O melhor lugar é aquele onde o Senhor nos coloca.

1Co_7:21-22 Foste chamado sendo servo? não te dê cuidado; e, se ainda podes ser livre, aproveita a ocasião.Porque o que é chamado pelo Senhor, sendo servo, é liberto do Senhor; e da mesma maneira também o que é chamado sendo livre, servo é de Cristo.

Sobre profissões, veja mais aqui:

http://www.respondi.com.br/2010/09/quais-profissoes-sao-licitas-para-um.html
http://www.respondi.com.br/2009/06/perderei-salvacao-se-voltar-fazer-o-que.html
http://www.respondi.com.br/2010/07/devo-sair-de-casa-para-servir-ao-senhor.html

(Esta mensagem originalmente não contém propaganda. Alguns sistemas de envio de email ou RSS costumam adicionar mensagens publicitárias que podem não expressar a opinião do autor.)

Mais acessadas da semana