As ideias aqui não são originalmente minhas, mas são fruto do que tenho aprendido da Palavra de Deus fora dos sistemas denominacionais com irmãos congregados ao nome do Senhor e também com autores de outras épocas que congregavam assim, como J. G. Bellett, C. H. Brown, J. N. Darby, E. Dennett, W. W. Fereday, J. L. Harris, W. Kelly, C. H. Mackintosh, A. Miller, F. G. Patterson, A. J. Pollock, H. L. Rossier, H. Smith, C. Stanley, W. Trotter, G. V. Wigram e muitos outros. Uma lista completa em inglês você encontra neste link.

Pesquisar este blog

Carregando...

Qual o problema de cristaos louvarem com instrumentos musicais?



https://youtu.be/5tY_0ogBAhc

Acredito que um dos grandes erros da cristandade hoje é não entender as dispensações, isto é, as diferentes maneiras de Deus tratar com o homem ao longo das eras. Quando não entendemos isso fazemos a maior confusão tentando aplicar para hoje coisas que foram ditas a outras pessoas, em outras épocas e lugares, para outras situações.

Você viu que o Salmo 150 diz para adorarmos a Deus com instrumentos musicais, e pergunta qual o problema de cristãos hoje se congregarem para adorar e louvar a Deus com instrumentos musicais. Vamos ao Salmo:

Slm 150:1-6 "Aleluia! Louvem a Deus no seu santuário, louvem-no no seu poderoso firmamento. Louvem-no pelos seus feitos poderosos, louvem-no segundo a imensidão de sua grandeza! Louvem-no ao som de trombeta, louvem-no com a lira e a harpa, louvem-no com tamborins e danças, louvem-no com instrumentos de cordas e com flautas, louvem-no com címbalos sonoros, louvem-no com címbalos ressonantes. Tudo o que tem vida louve o Senhor! Aleluia!"

Muito bem, está bastante claro que Deus ordena que ele deve ser louvado com trombetas, liras, harpas, tamborins e danças, instrumentos de cordas, flautas, címbalos etc. ou seus equivalentes modernos. Antes de responder vou tomar a liberdade de fazer a você algumas perguntas também com base nos Salmos.

Qual o problema de cristãos sacrificarem animais?

Slm_66:15 Oferecer-te-ei holocaustos gordurosos com incenso de carneiros; oferecerei novilhos com cabritos.

Qual o problema de cristãos cortarem o pescoço de seus inimigos?

Slm 18:40 Deste-me também o pescoço dos meus inimigos para que eu pudesse destruir os que me odeiam.

Qual o problema de cristãos darem o sangue dos inimigos para seus cães lamberem?

Slm 68:23 Para que o teu pé mergulhe no sangue de teus inimigos, e no mesmo a língua dos teus cães.

Qual o problema de cristãos desejarem que a esposa de seu inimigo fique viúva e seus filhos virem mendigos?

Slm 109:9-10 Sejam órfãos os seus filhos, e viúva sua mulher. Sejam vagabundos e pedintes os seus filhos, e busquem pão fora dos seus lugares desolados.

Qual o problema de cristãos louvarem a Deus e ao mesmo tempo matarem seus inimigos com a espada?

Slm 149:6-7 Estejam na sua garganta os altos louvores de Deus, e espada de dois fios nas suas mãos, Para tomarem vingança dos gentios, e darem repreensões aos povos;

Creio que isto seja suficiente para você perceber que nem tudo o que encontramos no Antigo Testamento se aplica hoje, não é mesmo? E veja que fiquei apenas nos Salmos. Se usasse o Antigo Testamento inteiro iria perguntar qual o problema de cristãos destruírem cidades inteiras com seus homens, mulheres e crianças (Dt 20:16-17), apedrejarem adúlteros (Lv 20:10) ou um membro da família que praticasse idolatria (Dt 13:6-11), ou proibir seus irmãos de criarem cavalos (Dt 17:16). Afinal, tudo isso está na Bíblia e acaso não deveríamos seguir a Bíblia?

A questão é que temos hoje não apenas as instruções que o próprio Senhor Jesus deu nos evangelhos em relação à Lei mosaica, quando disse coisas do tipo "Ouvistes o que foi dito... Eu porém vos digo...", mostrando que as coisas mudariam a partir dali. Mesmo assim, os evangelhos são em grande parte para um tempo de transição e ainda estão nos tempos do Antigo Testamento, pois ali temos um templo, sacerdotes, sacrifícios de animais etc., e ali Jesus até mesmo incentivava as pessoas a fazerem tais coisas. Se observar o Salmo 150 fala do louvor "no santuário", o que estaria correto nos tempos de Jesus, mas hoje já seria um problema, pois no lugar do único santuário ordenado e reconhecido por Deus, em Jerusalém, foi construída uma mesquita islâmica.

Quando um cristão tenta utilizar o Antigo Testamento como padrão para a adoração cristã ele está vivendo fora de sua época e lugar. Gostei de uma história que ouvi, de uma família que durante anos teve uma empregada que acordava todos às 6 da manhã, preparava a roupa que as crianças iriam vestir, o café de cada um etc.

Depois de anos o patrão voltou a contratar a empregada que ficou tempos sem trabalhar naquela casa. Ela chegou toda animada dizendo que nem precisava explicar o que fazer, porque no dia seguinte ela iria acordar todo mundo às 6 da manhã, preparar as roupas etc. O patrão explicou que não era mais assim. As crianças tinham crescido e se viravam sozinhas, agora estudavam à tarde e o patrão tinha parado de trabalhar fora pois agora era investidor na bolsa de valores. Ele não queria ser acordado às 6 da manhã. A família era a mesma, mas as condições mudaram e seus membros já não deviam ser tratados pela empregada como ela fazia no passado. A velha maneira serviu para o passado, mas já não servia agora e só traria dissabores se a empregada quisesse aplicar suas velhas práticas.

No evangelho o próprio Senhor deu uma dica de como seriam radicais as mudanças, quando ensinou a mulher samaritana:

Joã 4:21-24 Disse-lhe Jesus: Mulher, crê-me que a hora vem, em que nem neste monte nem em Jerusalém adorareis o Pai. Vós adorais o que não sabeis; nós adoramos o que sabemos porque a salvação vem dos judeus. Mas a hora vem, e agora é, em que os verdadeiros adoradores adorarão o Pai em espírito e em verdade; porque o Pai procura a tais que assim o adorem. Deus é Espírito, e importa que os que o adoram o adorem em espírito e em verdade.

Em Mateus 16:18 o Senhor disse "edificarei a minha igreja", com o verbo no futuro, indicando que ela não existia no Antigo Testamento e nem mesmo nos tempos dos Evangelhos. Então vemos a criação da igreja em Atos 2 e como as coisas mudam radicalmente quando Deus revela a Paulo, e também aos outros "santos apóstolos e profetas" da igreja, o segredo ou mistério que tinha ficado oculto de todos os profetas do Antigo Testamento. Uma nova dispensação ou maneira de Deus tratar com o homem se iniciava:

Efs 3:2-5 Se é que tendes ouvido a dispensação da graça de Deus, que para convosco me foi dada; Como me foi este mistério manifestado pela revelação, como antes um pouco vos escrevi; Por isso, quando ledes, podeis perceber a minha compreensão do mistério de Cristo, O qual noutros séculos não foi manifestado aos filhos dos homens, como agora tem sido revelado pelo Espírito aos seus santos apóstolos e profetas [da igreja];

A partir de então as coisas do Antigo Testamento passaram a servir de princípios para os cristãos, não de leis ou regras, além de serem também figuras, sombras e tipos das coisas que haviam de vir.

Rom_15:4 Porque tudo o que dantes foi escrito, para nosso ensino foi escrito, para que pela paciência e consolação das Escrituras tenhamos esperança.

1Co 10:6 E estas coisas foram-nos feitas em figura, para que não cobicemos as coisas más, como eles cobiçaram.

Heb_9:24 Porque Cristo não entrou num santuário feito por mãos, figura do verdadeiro, porém no mesmo céu, para agora comparecer por nós perante a face de Deus;

Quando os primeiros cristãos ficaram em dúvida se os gentios convertidos deviam guardar os preceitos da Lei como a circuncisão e os relativos a alimentos, o Espírito Santo resumiu tudo em poucas palavras:

Ats 15:28-29 Na verdade pareceu bem ao Espírito Santo e a nós, não vos impor mais encargo algum, senão estas coisas necessárias: Que vos abstenhais das coisas sacrificadas aos ídolos, e do sangue, e da carne sufocada, e da prostituição, das quais coisas bem fazeis se vos guardardes.

Col 2:16-17 Portanto, ninguém vos julgue pelo comer, ou pelo beber, ou por causa dos dias de festa, ou da lua nova, ou dos sábados, Que são sombras das coisas futuras, mas o corpo é de Cristo.

A falta de entendimento das dispensações faz com que você veja hoje uma cristandade que adotou práticas da antiga dispensação da lei, construindo templos e altares, ordenando sacerdotes e levitas, instituindo dízimos e algumas até estabelecendo a guarda do sábado, além de bandas e corais no louvor cristão.

Obviamente o diabo adora isso tudo porque cria mais razões para os cristãos se dividirem ao invés de estarem todos congregados como um só corpo. Isto porque uma denominação cristã escolhe alguns itens do Antigo Testamento ao seu bel prazer, enquanto outra escolhe outros, criando assim uma distinção entre seus membros e uma achando-se mais correta que a outra.

Mas será que ninguém percebe que a igreja perseverava, não na Lei e nos preceitos do Antigo Testamento, mas na doutrina dos apóstolos? "E perseveravam na doutrina dos apóstolos, e na comunhão, e no partir do pão, e nas orações" Ats 2:42.

A doutrina dos apóstolos não é encontrada no Antigo Testamento, mas nas epístolas endereçadas às igrejas e algumas a indivíduos. Portanto na atual dispensação o Espírito Santo fez provisão de tudo o que necessitamos para andar como cristãos e para congregarmos como cristãos. E os instrumentos? Não encontramos na doutrina dos apóstolos dada à igreja. E o dízimo? Idem. Sacrifícios de animais? Também não. Construção de templos (santuários) e altares? Nem menção. Apedrejamento de adúlteros? Não. Danças? Também não. Cortar o pescoço dos inimigos? Já era. Tudo isso fazia muito sentido na velha casa ou maneira de Deus lidar com o homem, mas na nova as condições são diferentes.

Para entender melhor as dispensações e não ficar confuso ocupando-se com coisas que para nós hoje não passam de sombras, sugiro que baixe e ouça os arquivos em mp3 do excelente estudo sobre dispensações que encontra no link Estudos das Dispensações.

Mais sobre instrumentos musicais no louvor:

http://www.respondi.com.br/2010/04/o-cristao-pode-louvar-com-instrumentos.html
http://www.respondi.com.br/2009/07/qual-musica-certa-para-o-louvor.html
http://www.respondi.com.br/2009/03/que-hinos-voce-e-os-irmaos-cantam-nas.html
http://www.respondi.com.br/2009/07/voce-nao-acredita-em-danca-profetica.html
http://www.respondi.com.br/2009/07/devemos-rasgar-o-antigo-testamento.html
http://www.respondi.com.br/2009/05/artes-marciais-na-igreja-abre-brecha.html
http://manjarcelestial.blogspot.com/2009/03/musica-instrumental-nas-reunioes.html
por Mario Persona

(Esta mensagem originalmente não contém propaganda. Alguns sistemas de envio de email ou RSS costumam adicionar mensagens publicitárias que podem não expressar a opinião do autor.)

Mais acessadas da semana