As ideias aqui não são originalmente minhas, mas são fruto do que tenho aprendido da Palavra de Deus fora dos sistemas denominacionais com irmãos congregados ao nome do Senhor e também com autores de outras épocas que congregavam assim, como J. G. Bellett, C. H. Brown, J. N. Darby, E. Dennett, W. W. Fereday, J. L. Harris, W. Kelly, C. H. Mackintosh, A. Miller, F. G. Patterson, A. J. Pollock, H. L. Rossier, H. Smith, C. Stanley, W. Trotter, G. V. Wigram e muitos outros. Uma lista completa em inglês você encontra neste link.
ATENÇÃO: POR FALTA DE TEMPO SÓ RESPONDEREI PERGUNTAS INÉDITAS. NÃO RESPONDO NO WHATSAPP.
PESQUISE assunto +mario persona NO GOOGLE PARA VER SE JÁ EXISTE RESPOSTA.

Posso me reunir em casa com minha família?



https://youtu.be/8p0s7Aw8xXY

Você escreveu interessado em congregar somente ao nome do Senhor, e foi colocado em contato com a assembleia de irmãos mais próxima de sua cidade. Mas em virtude da distância você não vê possibilidade de estar com os irmãos por enquanto e perguntou se enquanto isso poderia congregar em casa com sua esposa e filhos

Independente de você estar em comunhão congregado em uma assembleia reunida ao nome do Senhor nada impede que você tenha em casa seu exercício pessoal em devoção ao Senhor. Quando recebo perguntas como a sua eu me pergunto o que será que aconteceu com a hora devocional em família. Muitas famílias cristãs sempre tiveram o costume de se reunir diária ou periodicamente em casa para a leitura das Escrituras, oração e cânticos. Será que os afazeres da vida moderna mataram esse costume tão benéfico?

Antes de meus filhos nascerem e também depois costumávamos fazer uma leitura da Bíblia todos os dias acompanhada do cântico de um hino e orações. Durante uma época fazíamos isso de manhã, antes do café. Depois, quando os horários de trabalho e escola mudaram, passamos a fazer todas as noites, e isso era, como se costuma dizer, religiosamente. Muitos irmãos que conheço também tinham ou têm este costume e cada família procura separar um tempo conforme sua disponibilidade.

Em nosso devocional diário líamos um capítulo do Antigo Testamento (ou parte dele se fosse muito extenso) e outro do Novo Testamento. Depois que aprenderam a ler as crianças passaram a participar da leitura, e líamos cinco versículos cada fazendo um rodízio. Essa prática fez com que nossos filhos desenvolvessem um bom vocabulário, pois a Bíblia é, além da Palavra de Deus, uma excelente obra de literatura.

Depois ajoelhávamos diante do sofá e orávamos, inclusive as crianças, exercitando nelas também esse costume que levaram para a vida adulta. Quando vieram os anos de adolescência e faculdade já não conseguimos manter a leitura com todos presentes, e cada um fazia sua leitura particular, mas sempre que possível líamos, orávamos e cantávamos em família.

Não era uma reunião da assembleia, era uma hora devocional no lar que muitas vezes serviu como oportunidade para a evangelização quando visitas chegavam justamente naquela hora. Explicávamos que aquele era nosso costume, dávamos uma Bíblia para as visitas e elas entravam no esquema também, lendo seus cinco versículos por vez e tentando nos acompanhar no cântico do hino.

Então se vocês ainda não fizeram isso porque estavam esperando existir uma assembleia de irmãos congregados em sua cidade já perderam um bom tempo. Organizem seus horários compatíveis com as atividades de todos e persigam este propósito. Isso não tem ligação com o congregar em assembleia ao nome do Senhor, cujo caráter é diferente porque é neste caso que o Senhor prometeu estar no meio de dois ou três congregados pelo Espírito ao seu Nome.

por Mario Persona

Mario Persona é palestrante e consultor de comunicação, marketing e desenvolvimento profissional (www.mariopersona.com.br). Não possui formação ou título eclesiástico e nem está ligado a alguma denominação religiosa, estando congregado desde 1981 somente ao Nome do Senhor Jesus. Esta mensagem originalmente não contém propaganda. Alguns sistemas de envio de email ou RSS costumam adicionar mensagens publicitárias que podem não expressar a opinião do autor.)

Mais acessadas da semana