As ideias aqui não são originalmente minhas, mas são fruto do que tenho aprendido da Palavra de Deus fora dos sistemas denominacionais com irmãos congregados ao nome do Senhor e também com autores de outras épocas que congregavam assim, como J. G. Bellett, C. H. Brown, J. N. Darby, E. Dennett, W. W. Fereday, J. L. Harris, W. Kelly, C. H. Mackintosh, A. Miller, F. G. Patterson, A. J. Pollock, H. L. Rossier, H. Smith, C. Stanley, W. Trotter, G. V. Wigram e muitos outros. Uma lista completa em inglês você encontra neste link.
ATENÇÃO: POR FALTA DE TEMPO SÓ RESPONDEREI PERGUNTAS INÉDITAS. NÃO RESPONDO NO WHATSAPP.
PESQUISE assunto +mario persona NO GOOGLE PARA VER SE JÁ EXISTE RESPOSTA.

Preciso ser levita para cantar na igreja?



https://youtu.be/g6dYY4wHI3g

A confusão na cristandade hoje é tão grande que muitos não percebem como são ridículos cargos e funções inventados pelos homens. O grande erro de muitos cristãos é querer aprender cristianismo com o que veem na cristandade e em suas milhares de denominações, quando a única fonte segura para aprendermos é a Palavra de Deus aplicada à nossa alma pelo Espírito Santo.

Outro dia vi o líder de uma grande denominação, que malandramente arvora ser apóstolo, um dom que só existiu na fundação da Igreja no primeiro século, explicar para o repórter que o entrevistava que "pastor é o responsável por uma congregação local e bispo é o responsável por muitas igrejas em uma região". A verdade é justamente o contrário disso, e fiquei imaginando o quanto o evangelicalismo copiou do protestantismo que copiou do catolicismo sem nunca conferir na Bíblia.

Pastor, como ensina Efésios 4, é um dom, não um ofício, e quem recebeu esse dom diretamente de Cristo, e não de uma faculdade teológica, exerce seu dom onde quer que esteja, pois não é uma função local. Por outro lado, bispos, também chamados de presbíteros ou anciãos, têm sua função estritamente local e aparecem na Bíblia sempre no plural.

Mas quando vemos o que é feito com o termo "levita" na cristandade as coisas ficam ainda mais absurdas e desonestas. Levita era um membro da tribo de Levi e isso não tem nada a ver com a presente dispensação em que "que o endurecimento veio em parte sobre Israel, até que a plenitude dos gentios haja entrado" (Rm 11:25). Deus deixou momentaneamente Israel de lado e agora trata com a Igreja, o corpo de Cristo. Após o arrebatamento da Igreja um remanescente de judeus irá crer no Messias e aí Deus voltará a tratar com seu povo terreno, que irá herdar a terra e todas as promessas que você encontra ainda pendentes no Antigo Testamento.

Quando Josué conduziu os israelitas na terra de Canaã, os da tribo de Levi, também chamados levitas, receberam cidades, mas não foram autorizados a ser proprietários de terra "porque o Senhor Deus de Israel é sua herança... Por isso Levi não tem parte nem herança com seus irmãos; o Senhor é a sua herança, como o Senhor teu Deus lhe tem falado." (Dt 18:20; 10:9). Então se você tem um amigo que diz ser "levita" só porque toca na banda de alguma igreja, peça para ele provar sua genealogia que deve vir desde a tribo de Levi. E avise que ele não poderá possuir casas ou terrenos, pois isso era proibido aos levitas.

Levitas eram responsáveis pela guarda e conservação do tabernáculo e de todos os seus móveis e utensílios (Nm 1.50-53; 3.6-0; 4.1-33); auxiliavam os sacerdotes a matar animais para os sacrifícios, recebiam dízimos e os entregavam aos sacerdotes que descendiam de Arão. Então dá para ver que alguém que hoje se declara levita não tem muito para fazer, pois não temos tabernáculo ou Templo e utensílios para cuidar, não sacrificamos animais e nem temos sacerdotes para receber os dízimos.

Pessoas que gostam de ser chamadas de "levitas" hoje nada mais são que amantes do ego, que querem de alguma forma se diferenciar dos demais cristãos. E se pensam que são "levitas" porque cantam ou tocam numa banda, ainda não entenderam que na atual dispensação TODOS os salvos são igualmente sacerdotes e louvam a Deus. Não existe na doutrina dos apóstolos algo como uma apresentação de cantores na reunião da igreja, porque TODOS são cantores, TODOS louvam, TODOS oferecem sacrifícios de louvor com lábios que professam o nome do Senhor.

Se você anda por aí ostentando o garboso título de "Levita" saiba que está apenas atestando sua ignorância bíblica e também depreciando seus irmãos em Cristo que são igualmente sacerdotes aos olhos do Senhor. Além disso você incorre naquilo que na sociedade civil é chamado de "falsidade ideológica", ou seja, dizer aos outros que você é o que não tem qualificação para ser.

"Mas vós sois a geração eleita, o sacerdócio real, a nação santa, o povo adquirido, para que anuncieis as virtudes daquele que vos chamou das trevas para a sua maravilhosa luz; saiamos, pois, a ele fora do arraial, levando o seu vitupério. Porque não temos aqui cidade permanente, mas buscamos a futura. Portanto, ofereçamos sempre por ele a Deus sacrifício de louvor, isto é, o fruto dos lábios que confessam o seu nome. Falando entre vós em salmos, e hinos, e cânticos espirituais; cantando e salmodiando ao Senhor no vosso coração; dando sempre graças por tudo a nosso Deus e Pai, em nome de nosso Senhor Jesus Cristo." (1 Pe 2:9; Hb 13:13-15; Ef 5:19-20).

por Mario Persona

Mario Persona é palestrante e consultor de comunicação, marketing e desenvolvimento profissional (www.mariopersona.com.br). Não possui formação ou título eclesiástico e nem está ligado a alguma denominação religiosa, estando congregado desde 1981 somente ao Nome do Senhor Jesus. Esta mensagem originalmente não contém propaganda. Alguns sistemas de envio de email ou RSS costumam adicionar mensagens publicitárias que podem não expressar a opinião do autor.)

Mais acessadas da semana