fonte

Não é presunção você dizer que está salvo?



https://youtu.be/3QwPgaTIcsQ

Não creio que seja uma presunção afirmar que estou salvo. Se a salvação é pela fé somente, sem obras, não é presunção se afirmar salvo. Deus me diz que se eu crer em Cristo eu tenho a vida eterna; não entrarei em condenação. Eu creio em Cristo. Devo, a partir de então, duvidar da promessa de Deus para aquele que crê? De modo algum.

Não é presunção nem hipocrisia afirmar que se tem a salvação, se a única prerrogativa para sermos salvos é sermos pecadores (I Tm. 1:15). Ele não veio salvar justos (pois não os há), mas pecadores. Se eu me reconheço pecador, arruinado pelo pecado e inimigo de Deus (Rm 5:10), e estou consciente de que nunca poderei melhorar minha velha natureza, caída e corrompida pelo pecado (Jr. 13:23), e venho a Cristo, crendo n'Ele e esperando apenas na misericórdia e graça de Deus (e não em meus méritos), não estarei sendo hipócrita e presunçoso.

Por outro lado, uma pessoa que crê que a salvação é pelo seu reto proceder e pela sua obediência, esta sim estará adotando uma posição pretensiosa e soberba, pois mesmo que afirme que não pode ter certeza de já estar salvo, tem a esperança de que um dia "chegará lá" pelos seus esforços. Paulo, que se reconhecia "o principal" dentre os pecadores, tinha a certeza de ser levado pelo Senhor, quando se inclui no arrebatamento da Igreja (I Tess. 4).

Nunca compartilharemos seu email com terceiros.

Mario Persona é palestrante e consultor de comunicação, marketing e desenvolvimento profissional www.mariopersona.com.br. Não possui formação ou título eclesiástico e nem está ligado a alguma denominação religiosa, estando congregado desde 1981 somente ao Nome do Senhor Jesus. Esta mensagem originalmente não contém propaganda. Alguns sistemas de envio de email ou RSS costumam adicionar mensagens publicitárias que podem não expressar a opinião do autor.
O que respondi by Mario Persona is licensed under a Creative Commons Atribuição-Vedada a Criação de Obras Derivadas 2.5 Brasil License. Creative Commons License
Esclarecimentos: O conteúdo deste blog traz respostas a perguntas de correspondentes, portanto as afirmações feitas aqui podem não se aplicar a outras pessoas e situações. Algumas respostas foram construídas a partir da reunião das dúvidas de mais de um correspondente. O objetivo é apenas mostrar o que a Bíblia diz a respeito das questões levantadas, e não sugerir qualquer ingerência de cristãos na política e na sociedade, no sentido de exigir que as pessoas sigam os preceitos bíblicos. O autor é favorável à livre expressão e, ainda que seu entendimento da Bíblia possa conflitar com a opinião de alguns, defende o respeito às pessoas de diferentes crenças e estilos de vida. Aqui são discutidas ideias e julgadas doutrinas, não pessoas. A opção "Comentários" foi desligada, não por causa das opiniões contrárias, mas de opiniões que pareciam favoráveis mas que tinham o objetivo ofender pessoas ou fazer propaganda de alguma igreja ou religião, induzindo os leitores ao erro.

Respondi

O que Respondi

3 Minutos

Evangelho em 3 Minutos

Pela Graça