As ideias aqui não são originalmente minhas, mas são fruto do que tenho aprendido da Palavra de Deus fora dos sistemas denominacionais com irmãos congregados ao nome do Senhor e também com autores de outras épocas que congregavam assim, como J. G. Bellett, C. H. Brown, J. N. Darby, E. Dennett, W. W. Fereday, J. L. Harris, W. Kelly, C. H. Mackintosh, A. Miller, F. G. Patterson, A. J. Pollock, H. L. Rossier, H. Smith, C. Stanley, W. Trotter, G. V. Wigram e muitos outros. Uma lista completa em inglês você encontra neste link.
ATENÇÃO: POR FALTA DE TEMPO SÓ RESPONDEREI PERGUNTAS INÉDITAS. NÃO RESPONDO NO WHATSAPP.
PESQUISE assunto +mario persona NO GOOGLE PARA VER SE JÁ EXISTE RESPOSTA.

Por que mulheres sao menosprezadas na Biblia?



https://youtu.be/8D_UaLMPUhM

Perguntar "Por que mulheres são menosprezadas na Bíblia" é o mesmo que perguntar: "Por que homens são menosprezados em sua fisiologia?". Não entendeu? Explico: Eu queria muito engravidar, mas não consigo. Deveria eu me rebelar contra a decisão de Deus que determinou que homens não engravidam? Ou deveria eu acatar seus planos reconhecendo que eu não sei tudo e ele enxerga mais do que sou capaz? Afinal, ele é o Criador e não devo questionar sua vontade quanto ao que criou, como criou, com que finalidade, e para qual posição ocupar na Criação.

Você pergunta se o fato de Eva ter pecado tem alguma relação com a autoridade que foi dada ao homem sobre a mulher. Não, não tem, porque antes de pecar Eva já era sujeita a Adão, pois saiu dele, e foi por falhar nessa sua posição que ficou vulnerável à conversa do diabo. Lembre-se de que Deus não criou Eva como criou Adão, mas ela foi tirada de uma costela de Adão. O seu lado foi aberto e Deus tirou uma mulher de perto de seu coração que devia ser sempre o lugar que o homem devia também considerar a mulher: ao seu lado, perto de seu coração e sob o braço de sua proteção.

"[Adão] deu nome o homem a todos os animais domésticos, às aves dos céus e a todos os animais selváticos; para o homem, todavia, não se achava uma auxiliadora que lhe fosse idônea. Então, o Senhor Deus fez cair pesado sono sobre o homem, e este adormeceu; tomou uma das suas costelas e fechou o lugar com carne. E a costela que o Senhor Deus tomara ao homem, transformou-a numa mulher e lha trouxe. E disse o homem: Esta, afinal, é osso dos meus ossos e carne da minha carne; chamar-se-á varoa, porquanto do varão foi tomada. Por isso, deixa o homem pai e mãe e se une à sua mulher, tornando-se os dois uma só carne." (Gn 2:20-24).

Sim, Eva foi tirada de Adão e é parte dele, portanto aos olhos de Deus um dia os dois foram um, e quando unidos no matrimônio formam uma unidade. Por isso em um determinado momento Deus chama a ambos de "Adão". Isto porque Eva já estava em Adão quando este foi criado, embora ela só seria tirada dele instantes depois. "Homem e mulher os criou; e os abençoou e chamou o seu nome Adão, no dia em que foram criados." (Gn 5:2).

É preciso sempre ter em mente as consequências do que Deus diz, que nem sempre são tão ruins quanto os incrédulos e inimigos de Deus julgam. Por exemplo, quando a Bíblia diz que ele fez a mulher para ser "auxiliadora" do homem, isso não faz dela um ser inferior se você considerar que Deus percebeu que o homem não seria completo sem a mulher. Portanto o homem sim é quem tinha uma peça faltando e continua não sendo completo em si mesmo sem a mulher.

Um leitor atento da Bíblia poderia perguntar o que isso teria a ver com Cristo, já que ao ler alguma passagem de Gênesis a Apocalipse sempre pode encontrar uma conexão. Por exemplo, quando Deus sacrifica um animal no Éden para com sua pele cobrir Adão e Eva ele anunciava o sacrifício de Cristo para cobrir o pecado do homem. "E fez o Senhor Deus a Adão e à sua mulher túnicas de peles, e os vestiu." (Gn 3:21).

Antes disso o Senhor já tinha pregado essa boa nova quando avisou a serpente de que haveria UM que viria da mulher e esmagaria a cabeça da serpente. "Então o Senhor Deus disse à serpente: Porquanto fizeste isto, maldita serás mais que toda a fera, e mais que todos os animais do campo; sobre o teu ventre andarás, e pó comerás todos os dias da tua vida. E porei inimizade entre ti e a mulher, e entre a tua semente e a sua semente; esta te ferirá a cabeça, e tu lhe ferirás o calcanhar." (Gn 3:14-15).

Isso mostra a importância que tem a mulher nos planos de Deus, inclusive para trazer no ventre o Salvador do mundo. Repare também que o Senhor não estava falando de uma mulher qualquer, mas da mulher que ele chamaria depois de "a virgem" e não de "uma virgem" qualquer, pois Maria já estava nos planos de Deus desde sempre. "Portanto o mesmo Senhor vos dará um sinal: Eis que A VIRGEM conceberá, e dará à luz um filho, e chamará o seu nome Emanuel." (Is 7:14).

Curiosamente, quando você compara a tradução de João Ferreira de Almeida com a versão católica da mesma passagem encontra no tradutor a falta de entendimento dessa posição de grande importância dada a Maria como sendo única nos planos de Deus, e a transforma numa genérica "uma virgem". E não se esqueça de que João Ferreira de Almeida precisou fugir da Inquisição católica por cometer o crime de traduzir a Bíblia. Veja como a passagem que acabei de citar de Isaías aparece na Versão Ave Maria da Bíblia: "Por isso, o próprio Senhor vos dará um sinal: UMA VIRGEM conceberá e dará à luz um filho, e o chamará Deus Conosco." (Is 7:14).

Depois da maldição lançada sobre a serpente e de seu juízo, que viria ao mundo através de UM nascido da mulher que Deus tinha escolhido, o qual seria também o Salvador do mundo, encontramos um ato de fé de Adão. Naquele momento ele poderia ter continuado culpando sua mulher e Deus, como fizera um pouco antes — "A mulher que [TU SENHOR] me deste por companheira, ela me deu da árvore, e comi." (Gn 3:12) —, do mesmo modo como a mulher havia culpado a serpente — "A serpente me enganou, e eu comi." (Gn 3:13).

Mas num ato de fé Adão mostra que entendeu que dali em diante não poderia viver sem a mulher e que sem ela não teria descendência: "E chamou Adão o nome de sua mulher Eva; porquanto era a mãe de todos os viventes." (Gn 3:20). "Todavia, nem o homem é sem a mulher, nem a mulher sem o homem, no Senhor. Porque, como a mulher provém do homem, assim também o homem provém da mulher, mas tudo vem de Deus." (1 Co 11:11-12).

Se você considerar o ensino completo da Bíblia, e não as opiniões de alguma feminista recalcada, verá o lugar de distinção que Deus reservou à mulher. Se não acredita, leia o livro de Cantares ou o último capítulo do livro de Provérbios, Mas a mulher não pode achar que terá seu lugar em independência do homem, porque o homem também depende da mulher para vir ao mundo. Perder isso de vista é perder de vista a harmonia dos planos de Deus.

Por isso você encontrará muitas mulheres na Bíblia fazendo coisas que homens não poderiam (ou se omitiam) de fazer. Como nos tempos dos Juízes de Israel, quando o Senhor precisou levantar juízas, pois os homens estavam acovardados demais para assumir a posição que Deus lhes tinha designado. Foi o caso de Baraque, que se intimidou diante do inimigo e disse que não iria atacá-lo a menos que Débora fosse com ele. A cena é parecida com a de um garotinho que não quer ir à escola no primeiro dia de aula a menos que vá segurando na saia de sua mãe.

"Então lhe disse Baraque: Se fores comigo, irei; porém, se não fores comigo, não irei. E disse ela: Certamente irei contigo, porém não será tua a honra da jornada que empreenderes; pois à mão de uma mulher o SENHOR venderá a Sísera. E Débora se levantou, e partiu com Baraque para Quedes." (Jz 4:8-9).

Nisso entra também a passagem que você citou, quando o Senhor escolheu mulheres, Maria de Magdala e a outra Maria, e não homens, às quais os anjos, e em seguida o Senhor ordenaram que fossem anunciar sua ressurreição aos medrosos discípulos que estavam a portas fechadas com medo de represálias dos clérigos judeus.

"Mas o anjo, respondendo, disse às mulheres: Não tenhais medo; pois eu sei que buscais a Jesus, que foi crucificado. Ele não está aqui, porque já ressuscitou, como havia dito. Vinde, vede o lugar onde o Senhor jazia. Ide pois, imediatamente, e dizei aos seus discípulos que já ressuscitou dentre os mortos. E eis que ele vai adiante de vós para a Galileia; ali o vereis. Eis que eu vo-lo tenho dito. E, saindo elas pressurosamente do sepulcro, com temor e grande alegria, correram a anunciá-lo aos seus discípulos. E, indo elas a dar as novas aos seus discípulos, eis que Jesus lhes sai ao encontro, dizendo: Eu vos saúdo. E elas, chegando, abraçaram os seus pés, e o adoraram. Então Jesus disse-lhes: Não temais; ide dizer a meus irmãos que vão à Galileia, e lá me verão." (Mt 28:5-10).

Depois de saber tudo isso você teria coragem de acusar Deus de menosprezar as mulheres? Você acha que eu ainda deveria ficar sentido com Deus por ele não permitir que eu engravidasse?

por Mario Persona

Mario Persona é palestrante e consultor de comunicação, marketing e desenvolvimento profissional (www.mariopersona.com.br). Não possui formação ou título eclesiástico e nem está ligado a alguma denominação religiosa, estando congregado desde 1981 somente ao Nome do Senhor Jesus. Esta mensagem originalmente não contém propaganda. Alguns sistemas de envio de email ou RSS costumam adicionar mensagens publicitárias que podem não expressar a opinião do autor.)

Mais acessadas da semana