fonte

O que você acha da opinião desse psicólogo?



https://youtu.be/Stz-QbXNQM8

Você enviou o link para um artigo de um psicólogo britânico afirmando que Jesus Cristo e o Apóstolo Paulo estão incluídos entre os maiores psicopatas da história, e pediu que eu lesse para dar minha opinião. Minha resposta seria a mesma que eu daria se alguém me perguntasse: "O que você achou do Fulano de Tal que afirmou que sua mãe era prostituta?". Eu nem perderia meu tempo respondendo, como nem perdi meu tempo acessando o link do artigo que você enviou.

Se você estivesse realmente firmado na Verdade seria capaz de identificar cheiro de enxofre em publicações assim e nem gastaria seu tempo lendo, e muito menos compartilhando. Sugiro que procure se ocupar mais com a Verdade. Não é nenhuma novidade o ódio que o mundo destila até hoje contra o Senhor Jesus e também a rejeição contra Paulo que é encontrada mesmo nos púlpitos da moderna cristandade. Isso já estava previsto em sua última epístola, quando escreveu:  "Ninguém me assistiu na minha primeira defesa, antes todos me desampararam. Que isto lhes não seja imputado." (2 Tm 4:16).

Mas se você tiver sido realmente salvo por Cristo, por mais que os detratores tentem denegrir a sã doutrina e a Pessoa do Salvador, sua opinião será sempre a mesma declarada no livro de Cantares pela noiva apaixonada:

"O meu amado é branco e rosado; ele é o primeiro entre dez mil. A sua cabeça é como o ouro mais apurado, os seus cabelos são crespos, pretos como o corvo. Os seus olhos são como os das pombas junto às correntes das águas, lavados em leite, postos em engaste. As suas faces são como um canteiro de bálsamo, como flores perfumadas; os seus lábios são como lírios gotejando mirra com doce aroma. As suas mãos são como anéis de ouro engastados de berilo; o seu ventre como alvo marfim, coberto de safiras. As suas pernas como colunas de mármore colocadas sobre bases de ouro puro; o seu aspecto como o Líbano, excelente como os cedros. A sua boca é muitíssimo suave, sim, ele é totalmente desejável. Tal é o meu amado, e tal o meu amigo, ó filhas de Jerusalém." (Ct 5:10-16).

Você não deveria sequer se interessar em saber o que pensam os inimigos de Deus. Ao contrário, deveria estar atento e pronto para responder como o texto de Cantares se o Senhor perguntasse a você, como um dia perguntou aos discípulos: "Que pensais vós do Cristo?" (Mt 15:13).

por Mario Persona

Mario Persona é palestrante e consultor de comunicação, marketing e desenvolvimento profissional (www.mariopersona.com.br). Não possui formação ou título eclesiástico e nem está ligado a alguma denominação religiosa, estando congregado desde 1981 somente ao Nome do Senhor Jesus. Esta mensagem originalmente não contém propaganda. Alguns sistemas de envio de email ou RSS costumam adicionar mensagens publicitárias que podem não expressar a opinião do autor.)

Nunca compartilharemos seu email com terceiros.

Mario Persona é palestrante e consultor de comunicação, marketing e desenvolvimento profissional www.mariopersona.com.br. Não possui formação ou título eclesiástico e nem está ligado a alguma denominação religiosa, estando congregado desde 1981 somente ao Nome do Senhor Jesus. Esta mensagem originalmente não contém propaganda. Alguns sistemas de envio de email ou RSS costumam adicionar mensagens publicitárias que podem não expressar a opinião do autor.
Esclarecimentos: O conteúdo deste blog traz respostas a perguntas de correspondentes, portanto as afirmações feitas aqui podem não se aplicar a outras pessoas e situações. Algumas respostas foram construídas a partir da reunião das dúvidas de mais de um correspondente. O objetivo é apenas mostrar o que a Bíblia diz a respeito das questões levantadas, e não sugerir qualquer ingerência de cristãos na política e na sociedade, no sentido de exigir que as pessoas sigam os preceitos bíblicos. O autor é favorável à livre expressão e, ainda que seu entendimento da Bíblia possa conflitar com a opinião de alguns, defende o respeito às pessoas de diferentes crenças e estilos de vida. Aqui são discutidas ideias e julgadas doutrinas, não pessoas. A opção "Comentários" foi desligada, não por causa das opiniões contrárias, mas de opiniões que pareciam favoráveis mas que tinham o objetivo ofender pessoas ou fazer propaganda de alguma igreja ou religião, induzindo os leitores ao erro.

O que respondi by Mario Persona is licensed under a Creative Commons Atribuição-Vedada a Criação de Obras Derivadas 2.5 Brasil License. Creative Commons License

Respondi

O que Respondi

3 Minutos

Evangelho em 3 Minutos

Pela Graça