As ideias aqui não são originalmente minhas, mas são fruto do que tenho aprendido da Palavra de Deus fora dos sistemas denominacionais com irmãos congregados ao nome do Senhor e também com autores de outras épocas que congregavam assim, como J. G. Bellett, C. H. Brown, J. N. Darby, E. Dennett, W. W. Fereday, J. L. Harris, W. Kelly, C. H. Mackintosh, A. Miller, F. G. Patterson, A. J. Pollock, H. L. Rossier, H. Smith, C. Stanley, W. Trotter, G. V. Wigram e muitos outros. Uma lista completa em inglês você encontra neste link.
ATENÇÃO: POR FALTA DE TEMPO SÓ RESPONDEREI PERGUNTAS INÉDITAS. NÃO RESPONDO NO WHATSAPP.
PESQUISE assunto +mario persona NO GOOGLE PARA VER SE JÁ EXISTE RESPOSTA.

Em que se basearam para incluir Filemon no cânon?



https://youtu.be/W9_fCiYfr5E

Qualquer um dos livros que compõem a Bíblia faz parte dela porque assim quis o Espírito Santo. Se prestar atenção verá que a carta de Paulo a Filemon é um complemento à carta aos Colossenses, e perderíamos muito se ela não fizesse parte do cânon. Aos Colossenses Paulo escreve que enviaria Tíquico e também Onésimo, que era o escravo que havia fugido de seu senhor Filemon. A esse Onésimo fugitivo e preso, e agora retornando ao seu patrão, Paulo chama de "amado e fiel irmão".

"Tíquico, irmão amado e fiel ministro, e conservo no Senhor, vos fará saber o meu estado; o qual vos enviei para o mesmo fim, para que saiba do vosso estado e console os vossos corações; juntamente com Onésimo, amado e fiel irmão, que é dos vossos; eles vos farão saber tudo o que por aqui se passa" (Cl 4:7-9).

W. MacDonald comenta:

A menção do nome Onésimo coloca diante de nós a adorável história revelada na Carta de Paulo a Filemon. Onésimo foi o escravo fugitivo que procurou escapar do castigo fugindo para Roma. De alguma forma, ele entrou em contato com Paulo, que, por sua vez, o havia encaminhado a Cristo. Agora Onésimo vai viajar de volta para seu antigo mestre, Filemon, em Colosso. Ele levará a Carta de Paulo a Filemon, enquanto Tíquico leva a Carta à igreja dos colossenses. Imagine a emoção entre os crentes em Colossos quando esses dois irmãos chegaram com as Cartas de Paulo!

Norman Berry comenta assim:

Uma adorável carta mostrando-nos como essa vida eterna de que temos lido funciona no dia a dia. A carta fala de um escravo chamado Onésimo que fugiu de seu senhor, Filemom, e acabou em Roma. Aqui ele encontrou o apóstolo Paulo, e foi salvo. Paulo o envia de volta a seu senhor com esta carta. Segue-se um resumo:

1:1-9 Uma introdução ardente a Filemom, um querido amigo e irmão (no Senhor) de Paulo.

1:2 "A igreja que está em tua casa". Podemos ver que a palavra "igreja" não significa o que muitas pessoas fazem do nome — um prédio de tijolos ou pedras. Significa uma assembleia, e esta assembleia reunia-se na casa mencionada aqui.

1:10 Ao que parece Onésimo encontrou-se com Paulo na prisão e foi salvo por seu intermédio. Quão maravilhosos são os caminhos de Deus.

1:11 Aparentemente Onésimo não era um servo muito confiável, mas agora que está salvo, tudo será diferente. Quando nos achegamos a Cristo, toda a nossa vida é mudada.

1:12-14 A vida do homem recém-convertido é mudada de tal maneira que Paulo gostaria de tê-lo consigo.

1:15-16 Ele saiu como um escravo fugitivo, e retorna como um irmão amado!

1:17 "Recebe-o como a mim mesmo"! Receber um escravo fugitivo como o apóstolo! Sim, e quando nós encontramos o mais humilde crente no Senhor, deveríamos nos recordar disto também. Repare finalmente que em Colossenses 4:9 lemos "Onésimo, amado e fiel irmão". Quão feliz foi o final de tudo isso.

por Mario Persona

Mario Persona é palestrante e consultor de comunicação, marketing e desenvolvimento profissional (www.mariopersona.com.br). Não possui formação ou título eclesiástico e nem está ligado a alguma denominação religiosa, estando congregado desde 1981 somente ao Nome do Senhor Jesus. Esta mensagem originalmente não contém propaganda. Alguns sistemas de envio de email ou RSS costumam adicionar mensagens publicitárias que podem não expressar a opinião do autor.)

Mais acessadas da semana