fonte

O Deus dos cristãos não é o mesmo do Antigo Testamento?



https://youtu.be/LW0gZGT00bY

Você enviou uma mensagem irada e de total desrespeito a Deus, usando minúsculas ao se referir ao Senhor, dizendo que eu deveria ler o Antigo Testamento para saber que "deus mandar Josué matar crianças, idosos, casados solteiros e pasme: abrir o ventre com a espada de cima a baixo de mulher grávida!  As virgens era para Josué poupar e ficar elas. Temos também as ursas que mataram 42 adolescentes porque chamaram o profeta Eliseu de careca.".

Então você usa de sarcasmo para dizer: "Que deus maravilhoso, justo e misericordioso! Estes são apenas alguns exemplos! Existem centenas! Vendo por esses exemplos, creio que os cristãos estão seguindo o deus deles! Um deus que é psicopata, vingativo, injusto, crudelissimo com sangue nos olhos, ciumento mentiroso, etc... O deus que não é pregado nas igrejas. Se pregarem esse deus todos verão a verdade e correrão a léguas!".

Ao transcrever suas palavras senti pena de você porque um dia você estará diante desse mesmo Deus e estas palavras estarão registradas para todo o sempre no livro de sua vida. Espero que ainda tenha tempo de voltar atrás, se arrepender e clamar por misericórdia crendo em Jesus como seu Salvador e Senhor. Não se iluda, o Deus aos quais os perdidos terão de prestar contas é esse mesmo que você descreveu, um Deus justo e terrível para com os que se opõem a ele.

Muito em breve você terá a oportunidade de dizer tudo a ele face a face quando... "uma certa expectação horrível de juízo, e ardor de fogo, há de devorar os adversários... De quanto maior castigo cuidais vós será julgado merecedor aquele que pisar o Filho de Deus... Porque bem conhecemos aquele que disse: Minha é a vingança, eu darei a recompensa, diz o Senhor. E outra vez: O Senhor julgará o seu povo. Horrenda coisa é cair nas mãos do Deus vivo." (Hb 10:27-31).

Se você ainda estiver na terra quando Cristo vier para tratar com seus inimigos e estabelecer seu Reino milenar você estará entre os que procurarão a morte e não a encontrarão. E sabe onde está essa passagem com palavras tão terríveis? Não, não estão no Antigo Testamento, mas no livro de Apocalipse no Novo Testamento, e o protagonista delas é Jesus, o mesmo Jeová de quem você tanto zombou.

"E naqueles dias os homens buscarão a morte, e não a acharão; e desejarão morrer, e a morte fugirá deles... Então começarão a dizer aos montes: Caí sobre nós, e aos outeiros: Cobri-nos... E os reis da terra, e os grandes, e os ricos, e os tribunos, e os poderosos, e todo o servo, e todo o livre, se esconderam nas cavernas e nas rochas das montanhas; e diziam aos montes e aos rochedos: Caí sobre nós, e escondei-nos do rosto daquele que está assentado sobre o trono, e da ira do Cordeiro; porque é vindo o grande dia da sua ira; e quem poderá subsistir?" (Ap 9:6; Lc 23:30; ).

Portanto tudo aquilo que você atribuiu a Deus, como sendo um juiz implacável, você um dia terá de experimentar por si mesmo, do mesmo modo com civilizações inteiras experimentaram no passado por se acharem donas do mundo e livres para viverem como bem entendessem. O primeiro erro de pessoas como você que criticam as ações de Deus no Antigo Testamento é não entender algo muito primário: ELE É DEUS!. Ou seja, ele é o dono do pedaço chamado Universo e faz o que bem entender. E esse mesmo Deus questiona a atitude de pessoas estúpidas e sem noção como você, dizendo:

"Ó homem, quem és tu, que a Deus replicas? Porventura a coisa formada dirá ao que a formou: Por que me fizeste assim? Ou não tem o oleiro poder sobre o barro, para da mesma massa fazer um vaso para honra e outro para desonra?" (Rm 9:20-21).

Aí vem alguém como você e põe as asinhas de fora e quer julgar a Deus! Julgar os atos de Deus! Ora, de onde esse homem nascido em pecado obteve qualquer noção de justiça para se considerar apto a julgar? Dos símios de onde acredita ter evoluído? De onde obteve a noção de bem e mal? Um juiz justo precisa ter uma conduta ilibada para julgar com justiça. Você a tem? Para julgar o próprio CRIADOR? Fala sério! Que padrão você usará para isso? Você mesmo e suas justiças? Ora, "todos nós somos como o imundo, e todas as nossas justiças como trapo da imundícia" (Is 64:6). Você deveria se arrepender e colocar sua boca no pó fazendo como Jó, reconhecendo a sua estupidez em querer tratar do que não entende.

"Se alguém quisesse contender com ele, (com Deus) não lhe poderia responder uma vez em mil. Ele (Deus) é sábio de coração e poderoso em forças; quem se endureceu contra ele, e ficou seguro?... Ai daquele que contende com o seu Criador, caco entre outros cacos de barro! Porventura, dirá o barro ao que o formou: Que fazes? Ou a tua obra: Não tens mãos?... Respondeu mais o Senhor a Jó, dizendo: Porventura o contender contra o Todo-Poderoso é sabedoria? Quem argui assim a Deus, responda por isso. Então Jó respondeu ao Senhor, dizendo: Eis que sou vil; que te responderia eu? A minha mão ponho à boca. Uma vez tenho falado, e não replicarei; ou ainda duas vezes, porém não prosseguirei." (Jó 9:3-4; Is 45:9; Jó 40:1-5).

Dê uma olhada em seu redor e veja como está este mundo deixado para seguir adiante sob a administração do homem. Perfeito? Longe disso, porque o homem administrando o mundo não é diferente de um rinoceronte numa loja de cristais. Só traz destruição, e esse homem somos eu e você. A diferença é que um dia a misericórdia de Deus me nocauteou e a graça me forneceu uma faixa "Sob nova direção" quando cri em Jesus como meu Salvador e Senhor.

Mas tudo indica que você ainda não pode dizer com todas as letras que Jesus é seu Senhor, o dono de sua vida, além de seu Salvador. Se assim fosse você justificaria a Deus, o que significa iria reconhecer a sabedoria de Deus, que é infinitamente superior à sua, e dar razão a Deus por todos os atos dele, mesmo os que você não entende. Lucas 7:35 diz que "a sabedoria é justificada por todos os seus filhos" e Provérbios 21:30 que "não há sabedoria, nem inteligência, nem conselho contra o Senhor.". Portanto o que você reputa como sendo sabedoria sua não passa de estultície e loucura.

Sabe esse bondoso e amoroso Jesus que você encontra nos evangelhos, que se deixava cuspir, açoitar e pregar numa cruz? Ele é o mesmo JEOVÁ do Antigo Testamento vindo agora em outro caráter, em misericórdia e graça para salvar. Mas ele voltará como o rigoroso Filho do Homem do jeitinho que você o criticou no Antigo Testamento por suas ações ali (sim, Jesus é Jeová). É assim que ele reaparece em Apocalipse, matando todos os seus inimigos e governando o mundo com vara de ferro e exercendo juízo a cada manhã. Ele próprio mostrou essa sua face nos evangelhos ao falar em parábola: "E quanto àqueles meus inimigos que não quiseram que eu reinasse sobre eles, trazei-os aqui, e matai-os diante de mim." (Lc 19:27).

Portanto quando você zomba desse "deus" em minúsculas do Antigo Testamento está zombando do mesmo Jesus que veio ao mundo derramar sangue por você e quer lhe salvar de seus pecados, inclusive deste de questionar a sabedoria e ações dele como dono e Senhor da Criação e das criaturas. Paulo faz três perguntas retóricas para as quais não existe resposta, portanto não queira você achar que pode conhecer e julgar os desígnios e ações de Deus.

"Ó profundidade das riquezas, tanto da sabedoria, como da ciência de Deus! Quão insondáveis são os seus juízos, e quão inescrutáveis os seus caminhos! Porque quem compreendeu a mente do Senhor? ou quem foi seu conselheiro? Ou quem lhe deu primeiro a ele, para que lhe seja recompensado? Porque dele e por ele, e para ele, são todas as coisas; glória, pois, a ele eternamente. Amém." (Rm 11:33-36).

por Mario Persona

Mario Persona é palestrante e consultor de comunicação, marketing e desenvolvimento profissional (www.mariopersona.com.br). Não possui formação ou título eclesiástico e nem está ligado a alguma denominação religiosa, estando congregado desde 1981 somente ao Nome do Senhor Jesus. Esta mensagem originalmente não contém propaganda. Alguns sistemas de envio de email ou RSS costumam adicionar mensagens publicitárias que podem não expressar a opinião do autor.)

Nunca compartilharemos seu email com terceiros.

Mario Persona é palestrante e consultor de comunicação, marketing e desenvolvimento profissional www.mariopersona.com.br. Não possui formação ou título eclesiástico e nem está ligado a alguma denominação religiosa, estando congregado desde 1981 somente ao Nome do Senhor Jesus. Esta mensagem originalmente não contém propaganda. Alguns sistemas de envio de email ou RSS costumam adicionar mensagens publicitárias que podem não expressar a opinião do autor.
O que respondi by Mario Persona is licensed under a Creative Commons Atribuição-Vedada a Criação de Obras Derivadas 2.5 Brasil License. Creative Commons License
Esclarecimentos: O conteúdo deste blog traz respostas a perguntas de correspondentes, portanto as afirmações feitas aqui podem não se aplicar a outras pessoas e situações. Algumas respostas foram construídas a partir da reunião das dúvidas de mais de um correspondente. O objetivo é apenas mostrar o que a Bíblia diz a respeito das questões levantadas, e não sugerir qualquer ingerência de cristãos na política e na sociedade, no sentido de exigir que as pessoas sigam os preceitos bíblicos. O autor é favorável à livre expressão e, ainda que seu entendimento da Bíblia possa conflitar com a opinião de alguns, defende o respeito às pessoas de diferentes crenças e estilos de vida. Aqui são discutidas ideias e julgadas doutrinas, não pessoas. A opção "Comentários" foi desligada, não por causa das opiniões contrárias, mas de opiniões que pareciam favoráveis mas que tinham o objetivo ofender pessoas ou fazer propaganda de alguma igreja ou religião, induzindo os leitores ao erro.

Respondi

O que Respondi

3 Minutos

Evangelho em 3 Minutos

Pela Graça