As ideias aqui não são originalmente minhas, mas são fruto do que tenho aprendido da Palavra de Deus fora dos sistemas denominacionais com irmãos congregados ao nome do Senhor e também com autores de outras épocas que congregavam assim, como J. G. Bellett, C. H. Brown, J. N. Darby, E. Dennett, W. W. Fereday, J. L. Harris, W. Kelly, C. H. Mackintosh, A. Miller, F. G. Patterson, A. J. Pollock, H. L. Rossier, H. Smith, C. Stanley, W. Trotter, G. V. Wigram e muitos outros. Uma lista completa em inglês você encontra neste link.
ATENÇÃO: POR FALTA DE TEMPO SÓ RESPONDEREI PERGUNTAS INÉDITAS. NÃO RESPONDO NO WHATSAPP.
PESQUISE assunto +mario persona NO GOOGLE PARA VER SE JÁ EXISTE RESPOSTA.

Voce vai denunciar este ateu?



https://youtu.be/PFphdeht2As

Você escreveu informando que um ateu fez um vídeo cheio de linguajar baixo, vulgar e extremamente ofensivo contra a minha pessoa, no qual também utiliza trechos de meus vídeos na tentativa de combater o que a Bíblia ensina. Então perguntou se eu iria denunciar tal pessoa ao Youtube por seu comportamento ofensivo.

Existem vários os canais no Youtube fazendo a mesma coisa, uns contradizendo de forma respeitosa, outros zombando (como um que me chama de "Mario Brothers". Geralmente são canais de ateus, Testemunhas de Jeová, Adventistas do Sétimo Dia, espíritas, católicos e até pentecostais, como o de um pastor português que me chama de "anticristo". Enquanto alguns contestam apenas ideias e opiniões, outros mais brutalizados, como esse que citou, partem para a agressão, carregando nos palavrões, ofensas pessoais e até mandando para mim um dedo médio. Considero essa atitude como o escancarar do esgoto que existe no coração do autor do vídeo, pois s"a boca fala do que está cheio o coração." (Mt 12:34).

Um ateu como esse é digno de compaixão, pois está desesperado por sentir-se ameaçado por alguém que se contrapõe à sua fé ateísta. Sim, um ateu precisa de fé para ser ateu e crer na inexistência de Deus, pois o argumento que ele usa contra o cristão — que é o de este crer em um Deus cuja existência não consegue provar — é a mesma razão que o leva a ser ateu, ou seja, ele crê numa inexistência que também não consegue provar. E para se crer, tanto numa coisa, quanto na outra, se exige fé.

Então, nessa sinuca de bico que é sua vida "sem Cristo... não tendo esperança e sem Deus no mundo" (Ef 2:12), ele se sente inferiorizado e em desvantagem — ameaçado até — por alguém que professa uma fé na vida eterna; uma vida absolutamente contrária à fé ateísta, que contempla uma vida com data de validade, portanto finita. A fé ateísta não contempla uma vida além da miserável existência que o crente ateísta possui nos parcos anos que lhe restam aqui na terra.

Além disso, por não existirem na fé ateísta princípios morais — como ser sal e luz neste mundo (Mt 5:13-14), não resistir ao mal (Mt 5:39, amar os inimigos (Mt 5:44) e ser perfeito como o Pai que está nos céus é perfeito (Mt 5:48) — que possam nortear sua vida, seus adeptos vivem segundo princípios darwinianos, também conhecidos como "Lei de Gérson". Trata-se da lei de que o mais forte deve comer o mais fraco e levar vantagem em tudo.

Quem não enxerga além da matéria se sente ameaçado por quem vive "como vendo o invisível" (Hb 11:27), e assim não lhe resta alternativa senão se recolher à sua pequena concha, como fazem os ateus mais tímidos, ou partir para a agressão verbal, como esse do vídeo que você assistiu. O que, convenhamos, também demonstra um absoluto vácuo, não apenas de esperança, mas de capacidade intelectual e de argumentos plausíveis, inteligentes e criativos. Quando garoto eu costumava brincar com um menino que tempestivamente virava o tabuleiro e espalhava as peças quando se via prestes a perder o jogo. É o caso desse ateu.

À medida que aumenta o número de vídeos que visam contestar minhas mensagens, vejo que boa parcela de minha audiência é formada por ateus, pelos soldadinhos da Torre de Vigia, católicos, adventistas, espíritas, pentecostais, esotéricos e outras classes de pessoas que se sentem ofendidas pela exposição bíblica de doutrinas e costumes. Minha pele já é grossa o suficiente para suportar esses beliscões, mas me alegra saber quanta gente tem tido contato com o evangelho da graça de Deus e a sã doutrina, mesmo que tenha sido só por curiosidade ou para dedicar seu tempo analisando atentamente o que eu disse e fazendo um vídeo contestatório. Não percebem que estão sendo "contaminados" com a Verdade.

Fico aqui imaginando os espectadores que esses canais costumam atrair, pensando consigo mesmos: "Hmm... que será esse Mario Persona? Será ele o anticristo? Talvez alguém ligado aos Illuminati e membro de alguma conspiração?". Aí a pessoa corre para o Google e acaba caindo em uma das minhas mais de duas mil páginas de texto e vídeo, e o resto só o Senhor saberá dizer como ela sairá dali depois de ter tido um contato com a Verdade da irresistível graça de Deus. "Nada podemos contra a verdade, senão pela verdade." (2 Co 13:8).

Já pensei em denunciar esse e outros canais, mas tenho visto pessoas que chegam até mim justamente por terem visitado um vídeo desses que dedicam tempo e dinheiro só para criticar cristãos e sua fé. Num outro canal, cujo dono católico fez um vídeo querendo me atingir com as palavras de um padre que contesta o que eu disse sobre não venerar imagens, encontrei na seção de comentários a seguinte mensagem:

"Mario Persona, primeiramente eu agradeço a Deus e ao nosso Senhor Jesus Cristo por ter entregue Sua preciosa vida e derramado seu precioso sangue para nos salvar. E agradeço a Deus por ter conhecido seu canal no Youtube no momento em que eu estava perdido vagando entre espiritismo e outras crenças. Quero também agradecer por ter sido através de uma pregação sua que me converti a Cristo quatro anos atrás., e do mesmo modo se converteram minha esposa e meu filho. Hoje temos a certeza da nossa salvação pela fé no Senhor Jesus Cristo. Muito obrigado! Eu poderia ter mandado esta em seu e-mail, pois já faz tempo que queria lhe agradecer, mas como não entendo muito bem de como enviar e-mails decidi dizer isto por aqui mesmo. - R. S."

Por causa de coisas assim é que eu nem ligo mais que pessoas façam vídeos me criticando ou até mesmo usando minha imagem para isso. Elas ainda não perceberam que estão trabalhando a meu favor sem receber comissão, por criarem tráfego para meus vídeos. Pois ao criticarem de forma ofensiva e veemente as coisas que digo, seus espectadores ficarão tão curiosos em conhecer o "monstro" de quem estão falando que acabarão aportando em meu canal e ouvindo o puro evangelho da graça de Deus. Por isso, para os críticos e que se opõem à Verdade da Palavra de Deus achando que com isso irão me prejudicar, eu adoto a atitude de José, no Egito, quando reencontrou seus irmãos e disse a eles:

"Vós bem intentastes mal contra mim; porém Deus o intentou para bem, para fazer como se vê neste dia, para conservar muita gente com vida." (Gn 50:20).

por Mario Persona

Mario Persona é palestrante e consultor de comunicação, marketing e desenvolvimento profissional (www.mariopersona.com.br). Não possui formação ou título eclesiástico e nem está ligado a alguma denominação religiosa, estando congregado desde 1981 somente ao Nome do Senhor Jesus. Esta mensagem originalmente não contém propaganda. Alguns sistemas de envio de email ou RSS costumam adicionar mensagens publicitárias que podem não expressar a opinião do autor.)

Mais acessadas da semana